Destaque »

Ganso empata com Valeriodoce e continua no G4

24 de setembro de 2018 – 19:49 |

Em partida válida pela décima rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro da Segunda Divisão, versão 2018, chancelado pela Federação Mineira de Futebol, na manhã do último  domingo, dia 23 de setembro, o time do …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Política, Sem categoria

Nova sede do Fórum Tito Fulgêncio será construída ao lado do Centro Administrativo

O presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), desembargador Nelson Missias de Morais, esteve em Araxá onde apresentou o projeto de construção do novo fórum da cidade. O prefeito Aracely de Paula participou do encontro que contou com a presença da desembargadora Mariangela Meyer Pires Faleiro, 3ª vice-presidente do TJMG, do diretor do Foro da comarca de Araxá, Juiz José Aparecido Fausto de Oliveira, entre outras autoridades. Os detalhes do projeto de construção do prédio foram apresentados pelo desembargador Amauri Pinto Ferreira e pelo juiz auxiliar da presidência, Jair Francisco dos Santos. O novo Fórum Tito Fulgêncio será construído pela empresa Endeal Engenharia e Construções Ltda com investimentos da ordem de R$ 17,8 milhões. A futura sede do Poder Judiciário em Araxá será localizada na av. Rosália Isaura de Araújo, ao lado do Centro Administrativo e irá ocupar uma área construída de 6.340 m². O terreno para a construção do Fórum Tito Fulgêncio foi doado pela Prefeitura Municipal de Araxá totalizando uma área de 8 mil m2. O novo fórum irá abrigar 9 varas, Juizado Especial e todas as áreas de atendimento do Judiciário à comunidade. O projeto prevê acessibilidade, ar condicionado com sistema ecológico e a previsão de conclusão das obras é no início de 2020. O local onde o prédio começa a ser construído foi visitado pelo presidente do TJMG, Nelson Missias de Morais. Também prestigiaram a visita o prefeito Aracely, o Procurador-Geral do Município, Jonathan Renaud de Oliveira Ferreira, os desembargadores Amauri Pinto Ferreira, Marcos Lincoln e Maurício Torres Soares; os juízes da Comarca de Araxá, Saulo Carneiro Roque, Rodrigo da Fonseca Caríssimo e Eduardo Augusto Gardesani Guastini; o presidente da Câmara Municipal de Araxá, vereador Fabiano Santos Cunha e representando o Uniaraxá, professor Agenor Manoel de Carvalho.

Na ocasião o presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais inaugurou em Araxá o Posto de Atendimento Pré-Processual (Papre) e o Sistema Eletrônico de Execução Unificado (SEEU). O Papre é um espaço voltado para a conciliação de conflitos que ainda não foram judicializados e o SEEU automatiza concessão de benefícios a condenados visando aprimorar o acompanhamento processual da execução da pena dando celeridade na execução dos atos processuais. Tarefas até então realizadas manualmente passarão a ser eletrônicas.