Logo Jornal Interação

Foi encerrado na tarde do último domingo o Festival Saberes e Sabores de Araxá. Durante cinco dias milhares de pessoas passaram pelo Parque do Barreiro para prestigiar e experimentar uma imersão no melhor da gastronomia e da cultura mineira. “Foi um sucesso. No ano em que celebramos a mineiridade o festival nos mostrou que nossas raízes culturais e gastronômicas permanecem sólidas e capazes de encantar todas as gerações”, avaliou Elisa Baião Macêdo, presidente da Fundação Cultural Acia (Facial), entidade organizadora do festival.

 

O evento ganhou em 2022 casa nova na lateral direita do Grande Hotel. Foram 24 estandes gastronômicos, divididos em três setores, além de uma área específica para food trucks e um palco por onde passaram atrações culturais. Para completar o clima intimista, oficinas, degustações (cafés, gin, vinho e cachaça), produtos da terra, espaço para as mais variadas formas de expressão cultural e artística, segurança e conforto para os visitantes foram ingredientes sempre presentes no festival. “Cumprimos nosso objetivo e, mais do que isso, colaboramos para deixarmos um legado em todas as áreas que desenvolvemos nesse projeto que engrandece o que temos de melhor”, explica Armando de Angelis, idealizador do Festival.

O Festival Saberes e Sabores de Araxá foi promovido pela Fundação Cultural Acia (Facia) e teve o patrocínio máster da Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM), através da Lei de Incentivo à Cultura, da Secretaria Especial de Cultura do Ministério do Turismo.  Patrocínio: Mart Minas, Rio Branco Combustíveis e Zema. Apoio: Prefeitura Municipal de Araxá, Fundação Rio Branco, Click Telecom e Associação Comercial, Industrial, de Turismo, Serviços e Agronegócios de Araxá – ACIA.

Em clima de despedida e, apesar da chuva que caiu pela manhã, muita gente compareceu ao Festival Saberes e Sabores neste domingo (15). Entre os destaques na programação, uma oficina ensinou os segredos da ambrosia. “A ambrosia é um doce grego, chamado doce da felicidade ou doce dos deuses. Ele chegou no Brasil com os portugueses, mas a receita foi apurada pelas negras, que davam seu toque, cozinhavam em fogo brando, deixavam engrossar mais o caldo”, explica Marisa Rufino, que cozinhou ao lado da irmã Rogéria Rufino.

A cozinha show, instalada na Fonte Andrade Júnior também recebeu uma oficina sobre a influência do Grande Hotel na gastronomia de Araxá. Logo a frente os comerciantes de estandes e food trucks comemoraram os resultados dos cinco dias de venda. “Araxá sempre surpreende porque já temos clientes aqui. Vendemos de tudo e todos os dias”, diz Carlos Leandro de Souza Flausino, do food truck Embrasa BBQ.

Pelo palco Saberes e Sabores, passaram grandes nomes da música instrumental local. Destaque para o Trio Rivas, o grupo Chorando na Praça e o Jam Session da Beja; formação que reúne Tiago Martins Quarteto, BêJazz e Manga Rosa. “Para quem está começando esta é uma oportunidade de subir ao palco com uma estrutura profissional, uma estrutura de ponta. Para os profissionais é fantástico termos espaço para uma música de qualidade em um ambiente de festa e alegria”, diz Tiago Martins.

Quem deixou créditos no cartão da Praça Gourmet pode pedir reembolso a partir desta segunda (16). Para a realização do procedimento o interessado deve acessar o site (http://reembolsoaqui.com.br/festivalsabores) e seguir as instruções. É necessário estar com o número do CPF cadastrado em mãos. O reembolso estará disponível até 23 de maio.

Por Editor1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.