Destaque »

Presidente e novo Diretor Industrial da CBMM destacam importância do relacionamento com a cidade

9 de dezembro de 2017 – 11:59 |

Na noite da última terça-feira, dia 05 de dezembro de 2017, a direção da empresa CBMM, se reuniu com profissionais da imprensa araxaense num encontro tradicional de confraternização de fim de ano, no salão …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Cultura, Destaque

Lançado oficialmente o ‘6º Festival Literário de Araxá’

Victória Oliveira – estudante e embaixadora do Festival

Tarciso Cardoso e Antônio Gilberto CBMM

Tarciso Cardoso – Pres. AAL -Assessor Comunicação CBMM

Rodrigo Feres – escritor e curador local do Fliaraxá

Público durante do lançamento do Fliaraxá

Novos Embaixadores do Fliaraxá

Maria José Chadú – Diretora das Bibliotecas de Araxá

Luiz Humberto França – escritor e Curador local do Fliaraxá

Lídia Jordão – vice-prefeitura de Araxá

José Oscar de Melo – Reitor do Uniaraxá

Gessy Glória Lemos – Sec. Mun. Educação

Emílio Neymann – Pres. Acia e empresário

Antônio Leonardo Lemos Oliveira – Diretor TV Integração

Antônio Gilberto Ribeiro de Castro – Diretor Adm. CBMM

Em noite especial, o Taetro Municipal de Araxá recebeu, na última segunda-feira, dia 23 de outubro de 2017, o lançamento oficial do Fliaraxá 2017. A sexta edição do Festival Literário de Araxá será realizado  entre os dias 15 e 19 de novembro vindouro. O tem deste ano é “Língua, Leitura e Utopia”. Pela primeira vez, como informou a curadoria do evento, o Fliaraxá terá novo palco: mudou do pátio da Fundação Cultural Calmon Barreto para o Grande Hotel do Barreiro. Segundo o curador do evento, Afonso Borges, “a mudança se deu em razão do aumento do evento e o maior espaço estrutural que vamos ter no complexo do Barreiro e também com a estrutura já pronta do Tauá Grande Hotel”.  Outras novidades anunciadas por Afonso é que, paralelo ao festival literário, também vai acontecer no local um festival gastronômico. Segundo ele, “este ano, teremos ampliação na feira de livros, com mais volumes e ônibus de graça, de hora em hora, saindo da praça Arthur Bernardes, em frente à sede da Fundação Cultural Calmon Barreto, para levar a população até o Barreiro.” O curador do Fliaraxá também disse que a expectativa de público este ano é superior a 17 mil pessoas.  A reportagem do JORNAL INTERAÇÃO também conversou, durante o lançamento do Fliaraxá 2017, com embaixadores, escritores, empresários, parceiros e apoiadores do evento.

Lídia Jordão – Vice-prefeita e embaixadora: “O Fliaraxá se tornou uma tradição para nós, principalmente para a gente que tem a cultura e a educação como pontos fundamentais no desenvolvimento de uma cidade.”

Emílio Neumann – Presidente da Acia e empresário: “O Fliaraxá é empreendedorismo e cultura. São  duas coisas que o Brasil precisa muito, e a Acia sempre será parceira do Festival.”

Luiz Humberto França – Curador local do Fli e escritor: “Agora, como curador local do Fliaraxá, nossa intenção é colocar um pouco mais de Araxá dentro do evento, visando a divulgar e promover os autores locais.”

Antônio Gilberto Ribeiro de Castro – Diretor Administrativo da CBMM: “O Festival é uma das grandes áreas de atuação da CBMM dentro da cultura. E o bom é que, a cada ano, o evento cresce em tamanho e estrutura, ampliando também o número de pessoas que participam e visitam o Fliaraxá. A empresa sempre será parceira da cultura para a nossa gente.”

Tarcisio Cardoso- Presidente da Academia Araxaense de Letras e Assessor de Comunicação da CBMM: “A Academia Araxaense de Letras sempre está presente em todos os eventos literários de Araxá, que visam ao livro e à leitura, e a CBMM, também, como  parceira do festival, é uma grande apoiadora e incentivadora da cultura em geral.”

Antônio Leonardo Lemos Oliveira – Diretor da TV Integração: “Eu sempre digo que, se há um instrumento capaz de transformar o ambiente e as pessoas, é a cultura. E a gente tem duas etapas em Araxá: antes e depois do Fliaraxá, que nos possibilita degustar essa cultura rica em conteúdo e qualidade e ainda promover nossa Araxá para o mundo inteiro.”

Vitória Oliveira – Estudante e embaixadora: “A gente sempre espera muito de um evento da qualidade do Fliaraxá, que é muito bem organizado. E com o tema deste ano (Língua, Leitura e Utopia), a gente espera o melhor possível do festival e a participação efetiva de toda a nossa comunidade, pois o livro é tudo.”

José Oscar de Melo – Reitor do Uniaraxá: “Esse evento é muito importante, pois possibilita a nossos jovens e às pessoas, de maneira geral, ter acesso e o exercício da leitura e do conhecimento. E o conhecimento é para  toda a vida.”

Gessy Glória Lemos – Secretária Municipal de Educação: “É um evento muito importante, pois são poucas cidades no Brasil que realizam um festival literário dessa qualidade e tamanho. E a Secretaria de Educação de Araxá é grande parceira, com nossos professores e alunos em concurso de redação e pelas peças teatrais.”

Rodrigo Feres – Escritor e curador local do Festival: “O Fliaraxá é um grande presente que a gente recebe todos os anos, e a cada ano, ele tem crescido em todos os sentidos.”

Maria José Chadu – Educadora e diretora das Bibliotecas de Araxá: “Eu sempre acreditei no livro e no poder da leitura, e o Fliaraxá  tem sido uma grande ferramenta para incentivar a leitura e promover o livro em nossa cidade. Depois do Fliaraxá, a procura por livros e leitura nas biblioteca de Araxá aumentaram muito.”

O Festival 2017 vai reunir grandes  nomes da literatura lusófona

Cássio Amaral

Carlos Seabra

Carlos Marcelo

Carlos Herculano Lopes

Canarinho

Bruno Riffel

Bruna Lombardi

Bianca Santana

Beto Junqueyra

Augusto Rodrigues

Armando De Angelis

Annette Akel

Andréa Zamorano

Ana Paula Maia

Ana Maria Gonçalves

Alexandre Souza

Afonso Borge

O 6º Fliaraxá promete transformar a cidade na capital da lusofonia. Durante os cinco dias de evento, Araxá vai receber escritores, atores, músicos e estudiosos da Língua Portuguesa. Entre eles, o jornalista, professor, biólogo e escritor moçambicano Mia Couto, que será o autor homenageado desta edição do evento. Dentro da programação, ele participará de uma noite especial no sábado, 18/11, debatendo o tema: “Língua, Literatura e Utopia”, ao lado da atriz Bruna Lombardi. Além dele, outros importantes autores da Língua Portuguesa estarão presentes, como José Eduardo Agualusa (escritor e cronista angolano), Gonçalo Tavares (escritor e vencedor do Prêmio José Saramago), José Luís Peixoto (professor e romancista português) e Ondjaki (cineasta, escritor, novelista e professor angolano). O evento vai receber, ainda, grandes escritores brasileiros que participarão da programação adulta e infantojuvenil. O evento, em cinco dias de realização (15 a 19 de novembro de 2017), vai reunir, em um único espaço, quase 80 convidados. Nomes famosos como: Bruna Lombardi, Fernanda Takai, Jô Oliveira, Luiz Ruffato, Leila Ferreira e Sérgio Abranches, Afonso Borges, Alexandre de Souza, Ana Maria Gonçalves, Andréa Zamorano, Annette Akel, Armando de Angelis, Augusto Rodrigues, Beto Junqueyra, Bianca Santana, Bruno Riffel, Canarinho, Carlos Herculano Lopes, Carlos Marcelo, Carlos Seabra, Cássio Amaral, César Campos, Claudia Giannetti, Claudio Prado,  Cristóvão Tezza, Daniella Zuppo, Dirceu Ferreira, Eduardo Maia, Eloar Ganzzelli, Evandro Affonso Ferreira, Glaura Teixeira Nogueira Lima, Glayer França Jordão, Gonçalo Tavares, Gregório Divivier, Heleno Álvares, Isabela Noronha, José Luiz Goldfarb, José Luiz Peixoto, José Otávio Lemos, Joubert Amaral, Leo Cunha, Liria Porto, Lucas Matheus de Souza, Lúcia Riff, Lucrécia Leite, Lucrécia Zapp, Luiz Humberto França, Márcia Tiburi, Marco Haurélio,  Marlette Menezes, Mia Couto, Ondjaki, Paula Pimenta, Paulo Henrique Bragança, Paulo Scott, Pedro Gontijo, Pedro Muriel, Rafael Nolli, Roberto Lima, Rodrigo Feres,  Salatiel Silva, Zelma Maria, Sérgio Rodrigues, Sílvio Costta, Tiago de Melo Andrade, Tina Correa, Vinicius Silva, Wagner Mathias e Zuneir Ventura.