Destaque »

Ganso empata com Valeriodoce e continua no G4

24 de setembro de 2018 – 19:49 |

Em partida válida pela décima rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro da Segunda Divisão, versão 2018, chancelado pela Federação Mineira de Futebol, na manhã do último  domingo, dia 23 de setembro, o time do …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Educação

Minas Gerais promove educação sanitária nas escolas públicas

Abertura do dia da Agricultura Familiar

Para ampliar o trabalho de promoção da educação sanitária no Estado foi assinado na última  segunda-feira (25/7), em Belo Horizonte, acordo de cooperação entre a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário (Seda) e o Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA). A ação faz parte da estratégia do Governo de Minas Gerais para a estruturação de um programa estadual de fortalecimento da agroindústria familiar. A previsão é realizar, somente neste ano, cerca de mil vistorias em pouco mais de 200 agroindústrias familiares e atender em torno de 1.800 alunos da rede pública estadual. Para o secretário de estado de Desenvolvimento Agrário, Professor Neivaldo, o acordo é mais uma demonstração do compromisso do Governo de Minas Gerais com o fortalecimento da agricultura familiar. Uma das principais demandas do segmento diz respeito à regulamentação sanitária dos produtos processados, como queijos, doces e geleias. “A assinatura deste acordo simboliza parte do nosso esforço para promover um desenvolvimento agrário sustentável em prol da agricultura familiar e de uma alimentação cada vez mais saudável”, afirma o secretário. O diretor-geral do IMA, Marcílio de Sousa Magalhães, parabeniza os agricultores familiares, lembrando que são responsáveis pelo fornecimento de boa parte do alimento que chega à mesa do brasileiro. Ele ressalta a intenção do IMA de ampliar a parceria com o setor, de forma a incentivar e apoiar aqueles que ainda não têm experiência, sobre como podem produzir alimentos com qualidade e  registro. O dirigente ressalta também o Programa Sanitaristas Mirins, que é executado junto a escolas e por meio do qual crianças e adolescentes toma contato com as primeiras noções da importância de ter uma produção feita com qualidade, da forma adequada, com as  boas práticas de fabricação. “Esse é um trabalho que a gente faz pensando no futuro, uma parceria que a gente faz com a Seda pensando no futuro dessas crianças, que levarão para suas casas e famílias a forma adequada de fazer um produto de qualidade. Isso nos emociona, nos dá a responsabilidade de cada vez mais trabalhar em prol da agricultura familiar e de todos os agricultores de Minas Gerais”, afirma Magalhães. O ato marca as comemorações do Dia Internacional da Agricultura Familiar, neste dia 25 de julho, na Cidade Administrativa. Além da assinatura do acordo de cooperação, a programação inclui uma edição especial da Feira da Agricultura Familiar e Urbana (Projeto Do Campo pra Cá), com a participação de expositores do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), e da exposição de sementes crioulas. Para Ana Maria Martins, da agroindústria familiar Rancho Paraíso, da cidade de Itaguara, o reconhecimento do trabalho dos agricultores familiares pelo Governo de Minas Gerais é muito importante para ampliar a produção. Ana Maria é uma das participantes do projeto “Do Campo pra CA”, coordenado pela Seda, em parceria com a Intendência, IMA, Emater e Fucam. Toda sexta-feira, das 11h às 15h, dez empreendimentos familiares, representando mais de 300 famílias, expõem seus produtos no túnel do Prédio Gerais, na Cidade Administrativa. Participam agricultores ligados à agricultura familiar urbana, à produção orgânica e da agroecologia e também a empreendimentos agroindustriais familiares. “Hoje é um dia muito especial para todos nós. A feira é uma oportunidade de divulgar o que produzimos no campo. E trazemos produtos de qualidade, natural”, diz Ana Maria.

O secretário de Estado de Planejamento e Gestão e presidente da Câmara Governamental Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável (Caisans), Helvécio Magalhães, também participou da solenidade.