Destaque »

Lídia Jordão faz palestra no 13º Encontro Mulheres com Direito

17 de maio de 2019 – 19:12 |

Lídia Jordão representou Minas Gerais, juntamente com mais nove mulheres da área do Direito, de outros estados do País. Ela foi convidada pela coordenação geral  do Encontro, através da Drª Fabiana Garcia. Para Jordão, …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Esporte

Atlético vence disputa com Corinthians e acerta contratação do atacante Clayton

claytongrandeA novela envolvendo a contratação do jovem atacante Clayton, do Figueirense, terminou na noite da última segunda-feira. E com final feliz para o Atlético. Após longa reunião em um hotel de luxo em Florianópolis, que demorou mais de cinco horas, o Galo conseguiu concretizar a contratação do jogador, de 20 anos, considerado uma das principais promessas do país. O encontro reuniu os presidentes Daniel Nepomuceno e Wilfredo Brilinger, o diretor de futebol do Galo, Eduardo Maluf, além do representante de Clayton, Jorge Machado. Na manhã desta terça-feira, o Atlético confirmou oficialmente a chegada do atacante. Além do clube mineiro, outros gigantes do futebol brasileiro, como Corinthians, Palmeiras e Santos também tentavam a contratação do atleta. Como a negociação se arrastou por muito tempo, Clayton só poderá ser inscrito para as oitavas de final da Copa Libertadores da América, caso o Galo consiga uma das duas vagas no grupo 5 do torneio continental. Logo após concretizar a transação, Nepomuceno e Brilinger foram entrevistados pelo jornalista Polidoro Júnior. O mandatário atleticano comemorou o final feliz nas negociações e disse que o interesse do Galo por Clayton vem desde a temporada passada.  “Acho que é um jogador que era pretendido pelo Brasil inteiro, pelo mundo. Quero elogiar o presidente do Figueirense, a palavra do Wilfredo (presidente). Conversamos há quase seis meses, dizia o tanto que admirava o jogador. Ele esperou a gente ter essa conversa, longa, que acho que ficou bom para o Atlético, Figueirense e atleta”, explicou. Questionado sobre a possibilidade de o Atlético ceder alguns jogadores por empréstimo ao Figueirense, Nepomuceno foi evasivo e limitou-se a dizer que o Galo pretende ajudar o clube catarinense. “Não acertamos nada em relação a isso. Temos um compromisso com o Wilfredo de poder ajudar, porque o Figueirense é uma das maiores vitrines do Brasil, tem mostrado isso nos últimos anos. Temos alguns detalhes do contrato que vamos sentar com calma para decidir. Ele tem a minha palavra aqui, nosso empenho máximo para poder que a qualidade do time dele continue a mesma”, disse Daniel Nepomuceno. Clayton foi formado nas divisões de base do Figueirense, mas o clube possui apenas 10% dos seus direitos econômicos. A participação restante fica dividida entre Alliance empresa de Brillinger, com 30%, BMG, com 10%, Eduardo Uram, com 20%, o pai de Clayton, com 15%, e Jorge Machado, com 15%. Apenas as partes do clube, da Alliance e do BMG estão sendo negociadas, em transação que supera os 3 milhões de euros. O novo reforço do Atlético se destacou no último Campeonato Brasileiro pelo Figueira, o que despertou o interesse de vários dos principais times do futebol nacional. E mesmo com as negociações, ele vinha tendo um bom início de temporada, com quatro gols marcados em seis partidas. O atacante é o sexto jogador contratado pelo Galo para a temporada 2016. Antes, chegaram ao clube o zagueiro Erazo, o volante Junior Urso, o meia Cazares e os atacantes Hyuri e Robinho.