Destaque »

Equipe de transição de Romeu Zema já tem adesão de 1.200 profissionais voluntários

17 de novembro de 2018 – 17:05 |

Cerca de 1.200 profissionais, com experiência em diversas áreas do conhecimento, já se apresentaram como voluntários para atuar em apoio à equipe de transição do governo Romeu Zema (Novo), na pesquisa e diagnóstico de 17 …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Esporte

Eleições no Ganso: Luzia renuncia ao cargo de presidente do Araxá Esporte e Conselho estuda nova eleição

Apuração da eleiçãoVinte e cinco dias depois de ser eleita presidente do Araxá Esporte Clube,  Luzia Doralice Monteiro, renunciou ao cargo. Esta semana o JORNAL INTERAÇÃO, conversou com exclusividade com Luzia Doralice, que explicou com detalhes o motivo de sua desistência. Segundo ela, “ eu gosto muito  do Clube e me preocupo demais com  futuro do Araxá Esporte Clube. E desde que fui eleita presidente do Araxá Esporte surgiram contestações e pendências de caráter judiciais por parte do candidato derrotado Jeferson Leite e essa é uma situação complicada que se for às barras dos tribunais vai demorar para ser decidida e neste período é o Clube e o torcedor que  é o maior patrimônio do Araxá Esporte, que vão ser penalizados. Diante deste momento e das pendências questionadas, achei melhor desistir do cargo, para  não prejudicar o Ganso.” Luzia também disse à reportagem do JORNAL INTERAÇÃO, que, “ a alegação do candidato Jeferson Leite de que as contas da diretoria anterior, onde eu era vice presidente não fecham, foi um motivo a mais para que eu tomasse essa posição. Sempre agi dentro da legalidade e a da transparência e com já disse, a instituição, Araxá Esporte Clube está acima de cargos ou qualquer vaidade de poder.” Finalizando Luzia Doralice Monteiro disse que, “foi uma decisão doida demais pra mim, mas foi para o bem do Clube”. O JORNAL INTERAÇÃO,  também ouviu o candidato derrotado nas eleições presidenciais do Ganso, Jeferson Leite, que disse estar tranqüilo em relação aos seus direitos. “ Estou apenas atuando dentro do que reza o estatuto do Clube. É um direito meu contestar a eleição, sabendo que a candidata eleita ( Luzia), não poderia concorrer ao cargo eletivo por que suas contas como vice presidente da direção passada não haviam sido aprovadas em tempo pelo Conselho Deliberativo do Clube, como determina o estatuto vigente.” Jeferson Leite que já foi presidente do Araxá Esporte Clube no início dos anos 2000,  concluiu afirmando que, “ não quero polêmica e nem embates, meu objetivo é o bem maior do Ganso.” Já o presidente do Conselho Deliberativo do Araxá Esporte Clube, Paulo Aparecido da Silva, informou que, “ todas as medidas a respeito desse caso já estão sendo adotadas com base no regulamento do  Estatuto do Clube.” Ele revelou também que, “ diante dos fatos atuais,  o que diz o Estatuto é que em caso de renúncia, o primeiro vice-presidente eleito assume interinamente até abrirmos um novo edital para convocar nova eleição para ocupar a vaga. Fatos paralelos a esse serão analisados pela comissão temporária instaurada, e o vice presidente eleito é Daílson Lettieri.”

O impasse nas eleições do Araxá Esporte e as dividas financeiras contribuíram para a desistência da presidente eleita, Luzia Doralice, em brigar judicialmente pelo cargo.

O futuro do Araxá Esporte Clube segue indefinido e a bagunça na política do clube cada vez mais evidente. Uma reunião do Conselho Deliberativo do Ganso nesta segunda-feira, 26, deferiu o pedido de impugnação da candidatura de Luzia Doralice, protocolado pelo candidato derrotado nas eleição do clube, Jeferson Leite.

A ex- vice-presidente do Araxá Esporte, eleita no último dia 30 de  setembro passado para dirigir o clube na gestão 2016/2017, e o ex-presidente Dailsom Latierri não poderiam concorrer a cargos da diretoria, pois a prestação de contas do ano de 2014 ainda não foram analisados e aprovadas pelo conselho.

O impasse nas eleições do Araxá Esporte Clube, as manobras políticas para cancelar as eleições e as dividas financeiras contribuíram para a desistência da presidente eleita Luzia Doralice de brigar judicialmente pelo cargo. A decisão do futuro do alvinegro mais querido depende agora do Conselho Deliberativo que estuda a possibilidade de anular todo o processo e eleitoral e convocar novas eleições.Luzia e Jeferson Paulo Silva Pres. Conselho