Destaque »

Em final com 6 gols, França bate Croácia e conquista o bi mundial

17 de julho de 2018 – 0:56 |

A vitória sobre a Croácia por 4 a 2, na final da Copa do Mundo da Rússia, no domingo, coloca a França em um novo patamar no futebol mundial. O time …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +

Valeu pela vitória

Por: Alcino de Freitas.

Esperava-se por uma vitória mais convincente, mais incisiva, entretanto, pela garra, pelo esforço e pelo espírito de luta demonstrado por toda a equipe, durante a partida diante da Sociedade Esportiva Patrocinense (SEP), Araxá Esporte Clube acabou conquistando uma vitória difícil, mas relevante, por 1×0. Fez a sua obrigação vencendo em casa. Agora, é impossível de se exigir mais de uma equipe, quando, durante a semana, a imprensa anuncia novos reforços para o time, e na hora da partida, estes atletas não possam figurar no banco de reservas. Partindo deste princípio, não se pode culpar o técnico Wallace Lemos, um homem educado, trabalhador que, mesmo sem contar com estes reforços, conquista uma vitória, na verdade, a duras penas, mas garantindo os três pontos importantíssimos. O craque Ramon e outros companheiros recém-contratados não ganharam condições para atuar neste confronto.

Araxá e Patrocinense jogaram neste último domingo, 15, no Estádio Municipal Fausto Alvim, em Araxá, pelo Campeonato Mineiro do módulo II. No primeiro tempo, um jogo muito fraco, tecnicamente, com muitos chutões, muita correria, mas faltando às duas equipes criatividade e principalmente jogadas de maior profundidade.  Araxá Esporte teve a primeira boa oportunidade aos 10 minutos; Wander recebeu uma bola pela direita, penetrou e, de dentro da área, finalizou para fora. Aos 12 minutos, o time de Patrocínio chegou à meta adversária, com um chute de fora da área, e a bola bateu no travessão, saindo pela linha de fundo. Aos 32 minutos, outro chute fraco do Araxá Esporte para gol. Na altura dos 40 minutos, um choque violento no meio de campo entre Estevan e Pinguim, que chegou a preocupar, e só. Faltou padrão de jogo ao Araxá Esporte, jogar com bola no chão e comandar as ações.

Para o segundo tempo, Wallace fez duas substituições, o que tornou o seu time um pouco mais ousado. As entradas de Serginho e Carlinhos deram melhor articulação ao time, e, aos 23 minutos, quando Gustavo, lateral de Patrocínio, fez uma segunda falta violenta, sendo expulso de campo, Wander cobrou a falta com perfeição, levantando a bola dentro da área adversária, mas com bastante precisão. O atacante Dalmo cabeceou, fazendo o gol da vitória alvinegra. Uma jogada bastante ensaiada durante os treinamentos da semana.

Araxá Esporte venceu com: Fernando Hilário, Lucas, Cássio, Nilo, Raniel; Dudu Araxá, Jonathan, Wander (Marcelinho Araxá), Pinguim (Serginho); Dalmo, Wesley (Carlinhos). Técnico: Wallace Lemos.

Sociedade Esportiva Patrocinense de: Túlio, Renan, Bruno, Junior Silva, Gustavo; Neto, Estevan, Josimar, Raul (Chitão); Matheus (Ademir), Rafinha (Luquinha). Técnico: Carlos Oliveira.

Árbitro: Átila Carneiro Magalhães, auxiliado por Pablo Almeida Costa e por Hamilton Flávio de Faria.

4º árbitro: Amilton Marcos Moreira.

Cartões amarelos. Na equipe do Araxá Esporte: Fernando Hilário, Jonathan, Wander, Marcelinho Araxá e  Carlinhos. Pelo Patrocínio: Gustavo e Raul.

Cartão vermelho para: Gustavo, lateral esquerdo da Patrocinense.

A renda não foi fornecida. O público que compareceu ao espetáculo foi de razoável para bom.

Comemoração do Araxá Esporte na hora do gol

 Lance de um choque violento durante a partida

Trio de Arbitragem ladeados ao lado dos capitães das equipes

Dalmo o Autor do gol do Araxá Esporte