Destaque »

CIMTB: Avancini vence pela 5ª vez em Araxá

20 de Abril de 2018 – 1:49 |

Henrique Avancini e Chloe Woodruff  foram os mais rápidos na somatória de tempo. Decisão aconteceu na tarde de domingo (15).
Com a mão aberta em alusão as 5 vitórias Avancini soltou o grito de vitoria com muita …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Sem categoria

Araxá Esporte esteve muito perto da vitória mas, ainda não foi desta vez.

Por: Alcino de Freitas.

É preocupante a situação do alvinegro araxaense neste campeonato Mineiro da segunda divisão. Jogando pela sexta rodada, a primeira da segunda fase da competição, o Ganso, não foi alem de um empate diante da Patrocinence. A preocupação é gerada pelo seguinte: pelo terceiro empate consecutivo; e pelo empate sem gols pela terceira vez. Este último jogo realizado na quarta-feira, 19, em Patrocínio, diante da Patrocinense, até  que, o time não jogou tão mal, quanto ao jogo realizado no sábado, diante da mesma Patrocinense  em Araxá.  A equipe foi mais criativa, mostrou um ataque mais atuante, não tão eficiente quanto necessário, no entanto, um pouco mais ousado, com maior número de finalizações e criando boas oportunidades para abrir o marcador. As entradas na equipe de Fernando Augusto e no segundo tempo de Emersom Carioca deram ao ataque, uma maior mobilidade e uma nova esperança de gols, já que no sistema defensivo o time tem se portado a contento. Temos de destacar as boas defesas do goleiro Rafael Cordova que, tem se mostrado muito seguro. Não custa repetir, o que esta faltando à equipe é o meia armador que vem sendo cobrado à diretoria desde que, foi formado o plantel no ano passado. Contrata-se jogadores, dispensa-se jogadores, mas, ainda não contrataram o homem certo para a posição mais carente. O problema é que os nossos adversários que também não venciam, passaram a vencer, e, a classificação vai se tornando mais difícil. A situação é eminente e a solução precisa ser urgente, dependendo só da vontade da diretoria, apesar das promessas de contratações. Vamos repetir, para permanecer na segunda divisão a equipe que o clube tem, passa, mas, para ser campeão, ainda está muito longe.

A patrocinense empatou jogando com: Eliandro, Geison, Xandão, Elder, Andrezinho; Paulinho Jaú (Hugo), Luquinha, Barros, Wemerson (Pedrinho); Sinésio e Deivison (Vinicius). Técnico: Darcelo do Carmo.

O Araxá Esporte foi de: Rafael Cordova, Rafael, Wellington, Asprila, Beto; Rogério, Márcio Tinga, Luciano (Carlos Junior), Léo Salino; Tony  (Emersom Carioca) e Fernando Augusto. Técnico: Donizete Amorim

Árbitro: Adriano Alves Oliveira, auxiliado por Breno Rodrigues e Marcelo Giovani Bertolino Souza.

Cartões amarelos. Na Patrocinense: Geison e Deivison.

No Araxá Esporte: Asprila, Beto, Léo Salino.

Público: 178 pagantes para uma renda de R$1.835,00