Destaque »

5° Fase da Operação Malebolge cumpre 40 mandados de busca e prende uma pessoa em Araxá

23 de outubro de 2020 – 14:58 |

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) realizou, hoje (23), a 5ª fase da operação Malebolge. Os policiais civis lotados na Ciretran de Araxá cumpriram 40 mandados de busca e apreensão e 1 mandado de …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Educação

Dia da Árvore é comemorado em escolas da microrregião na Avenida Ecológica

No último dia 20, na Fundação Maçônica de Araxá, na Avenida Ecológica, foram realizadas atividades com alunos de escolas da microrregião, em comemoração ao Dia da Árvore. O evento foi promovido pela AC Café, AC Agro Mercantil e Fundação Maçônica de Araxá, com o objetivo de conscientizar as crianças da importância de redução de consumo, da origem do que consumimos, do preço pago, pela natureza, pelo excesso de consumo e a grande relevância das árvores em nossa vida.

“Sempre que falam no Dia Mundial da Árvore, as pessoas já pensam em plantar árvores. Nossa intenção foi mudar esse foco e aproveitar esse momento para sensibilizar as crianças no sentido da utilização correta dos recursos naturais, principalmente com aqueles que passam muito tempo na escola, o tempo todo mexendo com papel, rasgando e jogando para todo lado. Optamos por trabalhar com um processo de educação ambiental”, comentou a analista de meio ambiente, Andrea Lorena.

As instituições que compareceram foram: Escola Estadual Josefa Margarida da Trindade (Município de Perdizes – São José da Antinha); Escola Municipal Ananias Ferreira (município de Ibiá – zona rural); e Escola M. Teófilo F. Guimarães (município de Perdizes – zona rural).

“Nossa preocupação maior é no aprendizado do aluno. Hoje qualquer profissional está empenhado em trabalhar com essa questão da árvore, da água, dos cuidados com o meio ambiente. A partir do momento em que saímos da escola para trazer os alunos para o Pequeno Jardineiro, eles passam a ter uma visão mais apurada disso”, comentou Claudia, diretora da Escola Municipal Ananias Ferreira.

“Eu acho que todo mundo tem que aprender a ler e estudar para não cortar as árvores e não matar animais”, disse o estudante José Maria, de 8 anos.

O trabalho foi uma continuidade do trabalho ambiental desenvolvido desde 2012. Na oportunidade, foi ministrada uma palestra sobre a utilização racional dos recursos naturais e, no período da tarde, aconteceu a posse dos Guardiões da Natureza, projeto de coleta seletiva implantado na Escola Josefa Margarida da Trindade, com previsão de implantação nas outras duas escolas no início do próximo ano.

“Guardiões da Natureza é um projeto que está sendo realizado nas escolas, de coleta seletiva. Dentro desse projeto, temos um grupo de crianças que foram preparadas através de palestras e vivências para serem os guardiões. Eles são os protagonistas do projeto. Nós entramos só com o apoio, na coordenação e orientação, mas são eles que controlam, que conversam com as outras crianças”, concluiu Andrea.

O evento contou com a participação da Polícia Ambiental, que acompanhou e orientou as crianças durante a caminhada na trilha ecológica. “Esse evento é de muita importância, pois está sendo realizado um trabalho com crianças, onde irá se formar uma conscientização ambiental de preservação  do meio ambiente, que também é qualidade de vida”, comentou o sargento da Polícia Militar de Meio Ambiente, Marcelo dos Reis Nogueira.