Destaque »

Aracely proibe por Decreto a vinda de trabalhadores temporários para Araxá

30 de Maio de 2020 – 5:42 |

No “Programa Bom Dia Prefeito”, da última sexta-feira, 29 de maio, a Administração Municipal informou porque é contra a vinda de trabalhadores temporários para a execução de manutenção industrial em uma mineradora da cidade. O prefeito …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Cultura

Projeto MovartOnLine de Araxá

Neste cenário sem precedentes, além da solidariedade é fundamental conhecer e praticar competências sócio emocionais, como colaboração, empatia e resiliência emocional, para que possamos superar tantas adversidades.

Com o intuito de fornecer insumos aos alunos, vídeo aulas, lives, grupos de Whatssap, redes sociais como Facebook e Instagram, são oferecidos aos assistidos quanto à sociedade em geral, virtualmente, produção e distribuição de conteúdo, pois é o momento de maior acolhimento para todos de fato e não podem ficar desassistidos, de forma voluntária colaboradores auxiliam as pessoas com e sem deficiência.

 

Sobre aCampanha Não Dispute Compartilhe a Rua Segunda   Edição

 

Estamos em um momento em que a comunicação é fundamental para orientar a população sobre as ações de combate ao coronavírus ea Campanha Não Dispute Compartilhe a Rua em sua segunda edição, promoveu blitz culturais, ações nas portas e dentro das escolas, pontos e dentro dos ônibus, bares, restaurantes, eventos, capacitação dos motoristas, ações também no Detran, rodoviária municipal, em pontos estratégicos de risco, nas OSCs levando capacitação para os idosos e também levando os serviços dos parceiros Astran e vera cruz mais perto do público 60+ e gerou conteúdo na mídia para ampliação da prevenção de acidentes com clips para sensibilizar e evidenciar o transito hoje na cidade onde vivemos, visando a realização de campanha educativa e cultural para divulgação e promoção dos direitos fundamentais dos idosos, em conformidade com o diagnóstico da população idosa de Araxá, produzido pela Secretaria Municipal de Ação e Promoção Social e aprovado pelo Conselho Municipal do Idoso, esta em sua reta final.

Nesta Segunda Edição a Campanha Não Dispute, Compartilhe a Rua intensificou bastante ações nas vias onde ocorre maior situação de vulnerabilidade e situação de risco com trupe de artistas que de forma irreverente e inovadora misturando as artes circenses interagiu com o grande público provocou uma campanha acolhedora e de maior visibilidade, nessa reta final a campanha promove a conscientização das pessoas em especial com mais de 60 anos de idade para não saírem de casa, como medida de segurança preventiva para evitar o contágio, durante a pandemia.

Segundo relatórios da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde alguns grupos da população são mais suscetíveis à Covid-19, doença causada pelo coronavírus. Entre esses conjuntos mais vulneráveis estão IDOSOS, diabéticos, hipertensos, quem tem insuficiência renal, doenças respiratórias ou cardiovasculares crônicas. Desse modo, as autoridades médicas já indicaram que é de suma importância a permanência desses indivíduos em casa enquanto a disseminação não for controlada.

Quarentena é uma medida de restrição de movimentos, do direito de ir e vir, que pode ser individual ou coletiva, em bairros, cidades ou outra unidade geográfica, é uma medida restritiva para o trânsito de pessoas, que busca diminuir a velocidade de transmissão do coronavírus

A Portaria 356, do Ministério da Saúde, de 11 de março, regulamenta esta lei e esclarece que o objetivo da quarentena é “garantir a manutenção dos serviços de saúde em local certo e determinado”.podendo se estender pelo tempo necessário para reduzir a transmissão comunitária e garantir a manutenção dos serviços de saúde no território.

Dentre as diversas ações de conscientização e prevenção de acidentes com vitimas idosas a campanha esta realizando:

 

– Vídeos, Esquetes Cênicas evidenciam para que os idosos não frequentem lugares públicos onde tenha muita gente ou aglomerações. 

 

– Divulgação da rede de supermercados sobre os horários de atendimento preferencial aos idosos.

 

– Mobilização dos vizinhos que moram perto de pessoas idosasao redor, quando sair para fazer compras e outras necessidades, ligar para seu vizinho idoso que não podem sair de casa e perguntar se  precisam que alguém leve comida para elas ou de ajuda quando necessitarem buscar algum serviço de saúde.

 

– Alertar aos idosos sobre seus direitos de prioridades em diversos setores da cidade.