Destaque »

Ganso empata com Valeriodoce e continua no G4

24 de setembro de 2018 – 19:49 |

Em partida válida pela décima rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro da Segunda Divisão, versão 2018, chancelado pela Federação Mineira de Futebol, na manhã do último  domingo, dia 23 de setembro, o time do …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Diversos

O dia 13 de maio é ressignificado pelo Colégio Dom Bosco de Araxá

3O Núcleo de Ciências Humanas do Colégio Dom Bosco de Araxá, atento às novas realidades, reelaborou o Projeto Somos da Cor e criou o subprojeto Humanizartes. Nesse sentido, o carisma salesiano, e as ações de inculturação serão compartilhados com outros educandários da cidade de Araxá. De acordo com essa nova postura pedagógico-pastoral, foi realizado no dia 13 de maio de 2016, às 10h no Teatro Municipal de Araxá, o Papo Cult – Diálogos Inculturais. Essa atividade foi uma mesa redonda,  composta por alunos do Colégio Salesiano Dom Bosco de Araxá e também por duas escolas públicas convidadas. Fizeram parte da mesa discursiva, além dos alunos, professoras universitárias, educadora social, sacerdote do candomblé e uma jornalista. Os assuntos foram alusivos à construção de uma nova mentalidade baseada na respeitabilidade e no encontro com o diferente. Intolerância religiosa, escola e poder, empoderamento feminino, o racismo nas mídias e escola como transformadora social foram expostos ao público, que superou as 350 pessoas. O desenvolvimento de parcerias e o estreitamento de laços com outras escolas possibilitam o intercâmbio de informações e o aprimoramento dos discursos sociais.  O Projeto Somos da Cor e o subprojeto Humanizartes são propostas fundantes que perpassam o procedimento pedagógico-pastoral do colégio por conjugar a construção do conhecimento e a efetivação dos direitos humanos alicerçados no Sistema Preventivo. Os novos tempos exigem uma postura atualizada a fim de contemplarmos aqueles que, por viés da cultura e da tradição, estiveram à margem social. Desconstruir determinismos e subjetivismos numa sociedade marcadamente midiática é uma tarefa hercúlea, entretanto com um olhar alvissareiro e inovador é possível transpor o senso comum e cristalizar novos ideais.

1(1) 2 4