Destaque »

FestNatal resgata e destaca tradição das Folias de Reis

18 de dezembro de 2018 – 11:53 |

Uma tradição que está na alma do mineiro. Símbolos da chegada do período natalino e recentemente reconhecidas como Patrimônio Imaterial do Estado, as Folias de Reis ganharam espaço este ano no maior Festival Natalino de …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +

Araxá volta às ruas para protestar contra o Governo Dilma

As várias manifestações populares programadas para acontecer em todo País, no próximo domingo, dia 12 de abril, em protesto contra a corrupção e o Governo Dilma Rousseff, prometem mobilizar um número ainda maior de pessoas. Segundo o empresário araxaense e um dos lideres do movimento na cidade, Ivan Bionde, o protesto deste fim de semana, deverá reunir além empresários, representantes de entidades de classe e trabalhadores de vários segmentos de Araxá. “ Queremos mobilizar o maior número de pessoa possível. Desta vez vamos ter também o apoio da maçonaria e de representantes de associações, sindicatos e entidades. É preciso que toda comunidade se conscientize da importância desta mobilização nacional, para que possamos mudar de vez esse quadro terrível que tomou conta do Brasil”. Bionde, informou que a manifestação pacífica deste domingo dia 12 de abril, em Araxá, está prevista para começar as 15 horas e a concentração será no largo da igreja matriz de São Domingos. “ É um ponto centralizado, de fácil acesso, onde podemos nos unir e mobilizar  para fortalecer nossa voz e mostrar toda nossa indignação com esse governo falido, despreparado e que precisa ser mudado com urgência, para evitar que o Brasil vá para o buraco de vez.” No protesto que aconteceu no dia 15 de março, passado, em torno de 400 pessoas participaram do movimento em Araxá. Agora a expectativa dos organizadores, é que a concentração de domingo possa superar o número de mil manifestantes. Ainda de acordo com o empresário Ivan Bionde, estão sendo confeccionados cartazes, faixas, camisetas e panfletos com palavras de ordem e cobranças severas contra as atitudes estabanadas e sem norte da gestão política econômica da presidente Dilma Rousseff. “Vamos vestir de verde e amarelo, pintar a cara e mostrar todo nosso descontentamento e indignação com este governo que aóestá.”