Destaque »

5° Fase da Operação Malebolge cumpre 40 mandados de busca e prende uma pessoa em Araxá

23 de outubro de 2020 – 14:58 |

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) realizou, hoje (23), a 5ª fase da operação Malebolge. Os policiais civis lotados na Ciretran de Araxá cumpriram 40 mandados de busca e apreensão e 1 mandado de …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Sem categoria

TJMG concede habeas corpus ao casal de ex servidores públicos investigados pela PC na Operação Malebolge

O advogado Luis Octávio Cambraia, que defende o casal de ex-servidores da Prefeitura Municipal de Araxá, investigados pela Polícia Civil de Minas Gerais, na Operação Malebolge, tiveram o habeas corpus deferido para a soltura dos dois, na última terça-feira, dia 29 de setembro de 2020, pelo TJMG – Tribunal de Justiça de Minas Gerais. O casal estava preso desde o último dia 11 de agosto, em função da realização da Operação Malebolge da PCMG, que apurava um esquema criminoso responsável pelo desvio de R$ 5.646.551,41 do município de Araxá, e teve o inquérito policial concluído no dia 14 de setembro de 2020. O delegado Renato ressaltou a complexidade das apurações realizadas pela PCMG. “Trata-se de investigação que descortinou a existência de uma associação inescrupulosa na administração pública municipal, cujos membros desviaram recursos públicos e se enriqueceram, valendo-se de estratégia de infiltração na sociedade civil e instituições públicas”.As investigações iniciaram para apurar crimes de lavagem de dinheiro, em razão dos recursos desviados da prefeitura municipal, e por favorecimento e ocultamento dos valores desviados por meio da alienação de imóveis. No final da semana passada um empresário do setor de transporte de vans já havia sido liberado também. Ainda estão presos a esposa e o filho deste empresário e outro ex-servidorpúblico da Prefeitura de Araxá.  As investigações e desdobramentos do caso continuam sendo apurados pela Polícia Civil.