Destaque »

Robson e Mauro se reúnem com diretores da CBMM e da McCain e solicitam a implantação da UTI Neonatal

3 de dezembro de 2020 – 12:26 |

O prefeito eleito de Araxá, Robson Magela e o vice-prefeito Mauro Chaves, se reuniram na manhã da última quarta-feira (2) com a diretoria da empresa multinacional canadense McCain no Brasil.
A McCain está construindo em …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Agronegócios

Primeira edição virtual do Pró-Genética começa neste sábado

A 1º Feira Virtual do Pró-Genética e Pró-Fêmeas do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba acontece de 1 a 7 de agosto e será realizada totalmente on-line, devido à pandemia da Covid-19. Produtores interessados em adquirir animais terão acesso a vídeos dos touros e matrizes à venda, com todas as informações técnicas, por meio do site da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), no endereço http://www.abcz.org.br/

Na mesma página estarão disponíveis os contatos dos criadores para que cada interessado faça a negociação diretamente com os donos. Será possível, ainda, acessar à feira pelo celular, por meio do aplicativo ABCZ Mobile, disponível na Play Store e na App Store.

Nesta edição, a expectativa dos organizadores é que pelo menos 100 animais sejam colocados à venda e o volume de negociações chegue a R$ 700 mil. Para serem inscritos, todos os touros e matrizes devem estar registrados na ABCZ e seguir normas sanitárias previamente estabelecidas.

Os touros, por exemplo, devem ter até 42 meses de idade, Registro Genealógico Definitivo (RGD), testes negativos para brucelose e tuberculose, além de exame andrológico positivo, o que garante o potencial reprodutivo do animal. Já as matrizes devem ter até 60 meses de idade. As que tiveram mais de 18 meses, precisam ter o RGD. Já as mais novas devem ter o Registro Genealógico de Nascimento.

Além disso, todas as matrizes com mais de 30 meses devem ainda estar com prenhez confirmada ou em lactação e ter testes negativos para brucelose e tuberculose.

Assessor técnico da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e membro da comissão organizadora da feira, Francisco de Souza explica que a expectativa com a realização da feira virtual é positiva. Ele destaca que, diante do novo cenário, o uso das tecnologias digitais irá propiciar um evento interativo e dinâmico.