Destaque »

CBMM realizará testes de sirenes

30 de setembro de 2020 – 13:52 |

A medida preventiva faz parte do Plano de Ação de Emergência para Barragens e as atividades operacionais e administrativas não serão afetadas
 
Com o objetivo de garantir o funcionamento do sistema de alerta de emergência em barragens, a …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Notícias

Banco Central anuncia cédula de R$ 200 com imagem do lobo-guará

O Banco Central anunciou, na tarde da última quarta-feira (29), que o Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou o lançamento da cédula de R$ 200, que terá como personagem o lobo-guará.

Segundo a instituição, que realizou uma apresentação online para dar detalhes da medida, a nova cédula deverá entrar em circulação no final de agosto, e a previsão é que sejam impressas 450 milhões de cédulas de R$ 200 até o final do ano.

A divulgação da imagem será feita em breve. Atualmente, há seis tipos de cédulas em circulação: R$ 2, R$ 5, R$ 10, R$ 20, R$ 50 e R$ 100.  A propósito, o lobo guará, é um animal típico da nossa região ( Serra da Canastra em São Roque de Minas e Araxá, onde existe um trabalho de preservação da espécie no centro ambiental da empresa CBMM).

O trabalho da Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM), ocorre desde 1990 e atualmente tem o maior número de nascimentos em cativeiro no Brasil, com 62 filhotes. Em 2015, nasceram no criadouro científico mantido pela mineradora, uma fêmea e três machos, que fazem parte da terceira geração em cativeiro.

Segundo Laura Teodoro de Oliveira, veterinária coordenadora da CBMM e responsável técnica pelo criadouro científico, a reprodução em cativeiro ainda é um desafio para a conservação da espécie, pois 79% dos filhotes morrem antes de completarem um ano de vida, no entanto o trabalho vem ajudando na conservação da espécie que está ameaçada de extinção. “No caso dos filhotes o pai deles também nasceu no criadouro. O resultado vem sendo positivo, estamos ajudando a conservar a espécie do lobo-guará”, disse.

O Criadouro de Araxá é o primeiro do Brasil, e segundo do mundo em reprodução de lobos-guarás em cativeiro. O casal de pais, dos filhotes, são os lobos Neon, de 9 anos e Fiona de 7 anos. De acordo com Laura Teodoro, o casal é bem dócil e fica ao lado dos filhotes todo o tempo. O pai nasceu no criadouro e a mãe chegou ao centro ambiental com quatro meses.