Destaque »

CBMM apresenta nova marca do projeto Cientistas do Cerrado

20 de setembro de 2020 – 21:59 |

Neste mês, em que é celebrado o Dia Nacional do Cerrado, a CBMM reforça seu compromisso com o meio ambiente, a sustentabilidade e o futuro por meio de diferentes iniciativas. Uma delas é o lançamento …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Destaque

Campanha virtual fomenta valorização do comércio local de Araxá

Um grupo de amigas promove uma campanha que visa valorizar as atividades comerciais em Araxá. A iniciativa pretende minimizar os impactos econômicos gerados pela crise do novo coronavírus nas micro e pequenas empresas locais. Um levantamento feito pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) apontou que pelo menos 600 mil micro e pequenas empresas fecharam as portas e 9 milhões de funcionários foram demitidos em razão dos efeitos econômicos da pandemia. “Isso em nível nacional, aqui em Araxá ainda não sabemos exatamente os números, mas num percurso rápido pelo Centro da cidade, a gente se assusta em ver a quantidade de pontos comerciais fechados. São muitas placas indicando aluga-se onde antes do início do isolamento social funcionavam pequenas empresas da cidade”, comenta uma das idealizadoras da campanha, a consultora de moda Rejiane Monteiro. A campanha #ValorizeAraxá pretende divulgar os negócios locais e incentivar o consumo de bens e serviços em micro e pequenas empresas araxaenses. A idéia é criar uma corrente virtual e quem quiser pode aderir através das redes sociais. “O intuito é despertar a consciência da comunidade de que se consumirem dentro da cidade, o dinheiro vai girar na cidade e isso, com certeza, vai ajudar a conter o impacto econômico que afeta principalmente as micro e pequenas empresas”, acrescentou Rejiane Monteiro. Os consumidores estão habituados a usar as redes sociais que são ferramentas muito importantes neste momento pra indicar esses pequenos negócios. Então, basicamente, a campanha pretende movimentar as mídias sociais, incentivando que os consumidores indiquem aqueles negócios onde são clientes e onde tem experiências positivas pra amigos e familiares. Para isso as amigas lançam a campanha através do uso da #ValorizeAraxá (hashtag Valorize Araxá) em todas as publicações que indicam micro e pequenas empresas, produtos e serviços locais. Também estão disponíveis folders e templates que podem ser compartilhados pelo Facebook e Instagram. Os materiais estão disponíveis no perfil Valorize Araxá no Instagram. A primeira iniciativa da Campanha Valorize Araxá reuniu entre prestadores de serviços e comércios de produtos, dez micro-empreendedores que patrocinaram um sorteio de R$500 em dinheiro. “Todas as nossas iniciativas visam motivar o consumidor a conhecer pontos comerciais locais de produtos, bens e serviços, dar visibilidade a esses pequenos negócios, porque não é hora do consumidor comprar fora de Araxá, o momento é de união para consumo interno”, afirmou outra voluntária envolvida na iniciativa, a fotógrafa Jaíne Soares. As amigas também produziram vídeos de divulgação da campanha que vem sendo compartilhados. “Agora, nossa próxima etapa, é produzir conteúdo desses micro e pequenos empreendedores, mostrando os produtos e serviços disponíveis na cidade. O Valorize Araxá vai ser uma vitrine pra dar visibilidade pras micro e pequenas empresas da cidade”, disse Jaíne Soares. Desde o início da pandemia quatro em cada 10 brasileiros acima de 16 anos perderam poder de compra. Isto é o que aponta um levantamento realizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). O levantamento revela ainda que praticamente metade dos trabalhadores (48%) tem medo grande de perder o emprego. Somado ao percentual daqueles que tem medo médio (19%) ou pequeno (10%), o índice chega a 77%.