Destaque »

Inscrições para o Programa de Trainee 2021 da CBMM terminam dia 28 de outubro

17 de outubro de 2020 – 21:34 |

A CBMM está com inscrições abertas para seu Programa de Trainee 2021, destinado recém-formados nas áreas de engenharia de materiais e engenharia metalúrgica. Com foco em desenvolvimento de lideranças, o programa terá duração de um ano e será realizado …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Turismo

Câmara Municipal inicia a construção de novo anexo

O objetivo é abrigar mais 5 parlamentares a partir de 2013 quando o legislativo passará a contar com 15 vereadores.

Durante uma reunião informal na tarde desta segunda-feira, 11, o presidente da Câmara Municipal de Araxá, vereador Carlos Roberto Rosa (PP), realizou a assinatura de contrato para inicio das obras do anexo, que abrigará mais 5 parlamentares a partir do ano que vem. As salas terão o mesmo padrão dos gabinetes já existentes e a mesma acessibilidade.

Várias empresas participaram da licitação desta obra sendo que a vencedora Construtora Adineor foi escolhida pela Câmara. De acordo com o presidente Carlos Roberto Rosa, com recursos próprios, o novo anexo terá espaço para cinco gabinetes em uma área total de 213 metros quadrados. “A previsão da obra é de cerca de 5 meses com um custo de em torno de R$ 300 mil e esperamos que até dezembro possamos inaugurar essa obra no aniversário da cidade já de forma definitiva, mobiliada, tudo pronto, para atender os vereadores e também a comunidade. Lembrando que o plenário já tem a capacidade para 15 pessoas”, disse o presidente.

Roberto explicou que a construção de mais cinco gabinetes é devido ao acréscimo de uma emenda na Lei Orgânica do Município (LOM). “Essa emenda atendeu justamente a abrigar mais 5 vereadores aqui na Casa. Nós tínhamos o limite também de até 17, mas fizemos a opção de ficar em 15 e, com isso, a comunidade de Araxá ficará muito bem representada com os partidos tendo condições de lançar mais candidaturas”, comentou.

Segundo Roberto, a construção de mais 5 gabinetes não gerará custo para o município. “Já que o repasse feito do executivo para a Câmara é fixo de 7%, e não pode ser mais do que isso. Esse ano, nós temos a previsão de devolver dinheiro para o município, mesmo fazendo construção e atendendo a necessidade dos companheiros. A nossa receita atual da Câmara é em torno de R$ 700 mil”, ponderou o presidente.

Após a assinatura dos contratos, representantes da imprensa, do legislativo e convidados visitaram o canteiro de obras para conhecer novo espaço que abrigará mais cinco salas aos parlamentares escolhidos pela sociedade no pleito eleitoral em outubro desse ano.