Destaque »

Comandante da Capitania Fluvial de Minas Gerais visita Araxá

20 de fevereiro de 2020 – 19:24 |

A Capitania Fluvial de Minas Gerais, com sede em Belo Horizonte desde dezembro de 2018, está ampliando sua área de atuação e deve instalar unidades no Triângulo Mineiro e região do Rio Paranaíba. No …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Esporte

Gol no fim do jogo garante vitória do Cruzeiro Vila Nova na final do Mirim

Jogo diante do Trianon terminou em 3 a 1 a favor do Cruzeiro Vila Nova, que tem a vantagem de perder por um gol de diferença ou empatar para ser campeão.

Jogadores de Cruzeiro Vila Nova e Trianon protagonizaram um grande jogo na primeira partida da final do Campeonato Amador Mirim, em uma manhã de domingo, 25, chuvosa em Araxá. O placar terminou 3 a 1 para o Cruzeiro Vila Nova, em confronto extremamente equilibrado, que contou com um bom número de telespectadores para assistir à final no Campo das Mangabeiras.

No primeiro tempo, quem saiu na frente do placar foi Trianon, aos sete minutos. Após escanteio batido pela esquerda, a zaga do Cruzeiro Vila Nova não afastou para fora da área, e a bola sobrou no zagueiro Jhoninho, que chutou forte no canto.

A equipe do Cruzeiro Vila Nova empatou aos 15 minutos. Na cobrança de penalidade máxima, Pedrinho bateu no canto esquerdo do gol para fazer 1 a 1. Jogando em seus domínios, Trianon foi para cim,a e a principal chance desperdiçada pelos donos da casa nasceu em jogada de Victor Fernando, que, em rápido contragolpe, fez o passe para Gilson mandar sobre o gol do Cruzeiro Vila Nova.

Na parte final do primeiro tempo, Cruzeiro Vila Nova obteve a virada. Aos 25 minutos, o atacante Erê cobrou falta pela direita e encobriu o goleiro Guilherme Felisbino e fez 2 a 1.

No início do segundo tempo, a equipe do Cruzeiro Vila Nova teve duas oportunidades de ampliar o resultado. Erê recebeu passe dentro da área e chutou forte na trave. Aos cinco minutos, Pedrinho fez a cobrança de falta pela esquerda, que obrigou o goleiro Guilherme Felisbino a praticar grande defesa.

Trianon também teve chances de empatar o jogo e, em uma delas, numa cobrança de falta de Victor Fernando para dentro da área, a bola viajou e passou por todo mundo, com perigo, aos 23 minutos.

No decorrer do segundo tempo, foram registradas duas expulsões: do zagueiro João Vítor, do Cruzeiro Vila Nova, e de Victor Fernando, do Trianon. Eles saíram do gramado mais cedo, após terem recebido o segundo cartão amarelo, que resulta no cartão azul. No mirim, tem-se a mesma equivalência do cartão vermelho aplicado nas categorias amador e profissional.

Ao fim do segundo tempo, Cruzeiro Vila Nova conseguiu o mesmo feito que na primeira etapa e marcou seu gol, que significou o gol da tranquilidade. Aos 27 minutos, após falta batida pela direita, a bola caiu nos pés de João Gabriel, que garantiu a vitória por 3 a 1.

A arbitragem comandada por Weslei Elias e Vicente dos Reis encerrou o jogo e ouviu-se muita reclamação dos jogadores e da comissão técnica do Trianon, que saíram revoltados, principalmente com o terceiro gol assinalado pelo Cruzeiro Vila Nova. Para eles, o gol estava em completo impedimento, pois, pelo menos, três jogadores do time visitante, encontravam-se em posição irregular.

Para a partida de volta, Trianon não contará com seu meia Victor Fernando, um dos principais jogadores do time azul e branco, pelo cartão azul levado no jogo das Mangabeiras. A equipe precisa vencer o Cruzeiro Vila Nova por uma diferença de três gols no estádio Honorízio Pereira Veloso para ser campeão. Já para o Cruzeiro Vila Nova, uma derrota de um gol de diferença e um empate levam a equipe para a conquista do Campeonato Amador Mirim.

O jogo da volta entre Cruzeiro Vila Nova x Trianon ocorrerá no domingo, 9, às 9h da manhã, a pedido dos clubes.

Ficha técnica:

Trianon: Guilherme Felisbino; Lucas, Jhoninho, Eduardo (João Vítor) e Robinho; Patrick, Mateus, Victor Fernando e João Pedro; Marco Túlio e Gilson (Gustavo). Treinador: Edinho.

Cruzeiro Vila Nova: Diogo; Felipe Alan, João Vítor, Victor Vargas e João Gabriel; Giovani, Daniel Santos (Victor Manoel) (Cadu), Shrek e Otávio (Igor); Erê e Pedrinho. Treinador: João Paulo.

Gols no primeiro tempo: Jhoninho, aos 7 minutos, Pedrinho, aos 15 minutos e Erê, aos 25 minutos.

Gol no segundo tempo: João Gabriel, aos 27 minutos.

Cartão amarelo: Erê (Cruzeiro Vila Nova)

Cartões azuis: Victor Fernando (Trianon) / João Vítor (Cruzeiro Vila Nova).

Árbitros: Weslei Elias e Vicente dos Reis

3ª árbitra: Rosemira Cássia

Mesária: Samara Fernanda