Destaque »

Lídia Jordão faz palestra no 13º Encontro Mulheres com Direito

17 de maio de 2019 – 19:12 |

Lídia Jordão representou Minas Gerais, juntamente com mais nove mulheres da área do Direito, de outros estados do País. Ela foi convidada pela coordenação geral  do Encontro, através da Drª Fabiana Garcia. Para Jordão, …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Cultura

Escritora araxaense Vilma Cunha toma posse na Academia de Letras francesa

A escritora araxaense Vilma Cunha tomou posse na Academia de Letras francesa,  a Divine Academie Française des Artes Lettres et Culture. A cerimônia de gala aconteceu no auditório do Palacete Julieta Serpa, Rio de Janeiro, no último dia 10 de novembro,  com a presença da direção e de autoridades culturais francesas. Depois da diplomação e outorga de medalha, foi servido um requintado jantar, no majestoso salão de festas do palacete. O local é considerado, por muitos, um pedaço de Versailles no Rio de Janeiro.

 Em março, ela esteve em Paris com autores brasileiros para o coquetel de abertura do

Salon du Livre de Paris, dia 15 de março, das 17 às 21 horas, com a presença do Presidente da República,  Nicolas Sarkozy e do Ministro da Cultura da França. Na ocasião, os autores foram condecorados pela Académie de  Mérit e Devoument Français, no  Cercle Republicain. Paris. Vilma esteve entre os 33 autores mineiros que prestigiaram o lançamento no Salon du Livre de Paris, do livro: Écrivains Contemporais  du Minas Gerais.

 Vilma Cunha Duarte faz parte da Sociedade Brasileira dos Poetas Adravianistas, um movimento literário que surgiu nos anos 90, em Mariana, Minas Gerais, e se espalhou pelo Brasil e exterior. No Brasil, a Sociedade Brasileira dos Poetas Aldravianistas lançou “O Livro das Aldravias”, que reuniu 51 poetas aldravianistas, na Casa das Rosas Av. Paulista, 37 – São Paulo, dia 5 de outubro de 2012, às 18 horas.

 Vilma estará presente no próximo lançamento, em abril de 2013, em  Lisboa, Portugal, representando Araxá, região, os jornais para os quais ela colabora, a Academia Araxaense  de Letras e outras das quais ela é membro efetivo.