Destaque »

Tauá Grande Hotel de Araxá vai reabrir no dia 14 de agosto

7 de agosto de 2020 – 17:39 |

 
A rede Tauá publicou em suas redes sociais, que o Grande Hotel do Barreiro em Araxá, reabrirá no dia 14 de agosto em Araxá.
O Hotel está fechado desde o dia 18 de março, segundo …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Destaque

Grandes escritores dão show de conhecimento no 1° Fliaraxá

A literatura esteve muito bem representada por Luis Fernando Verissimo, Milton Hatoum, Fernanda Takai, Ziraldo, dentre outros que fizeram da 1ª edição do Festival Literário de Araxá um sucesso de público na Fundação Cultural Calmon Barreto (FCCB).

Nos últimos dias 8, 9 e 10 de novembro, Araxá recebeu seletos escritores para o 1° Festival Literário (Fliaraxá), na Fundação Cultural Calmon Barreto (FCCB), sob a curadoria do jornalista Afonso Borges, idealizador do Sempre um Papo há 26 anos . A literatura brasileira foi muito bem representada com atrações que tiveram como objetivo incentivar o hábito da leitura e contribuir com seus benefícios. Luis Fernando Verissimo, Milton Hatoum, Ziraldo, Zuenir Ventura, dentre outros escritores ficaram muito bem à vontade contando suas experiências como exímios profissionais da escrita, mas também responderam a perguntas do público. O 1° Fliaraxá foi resultado de uma grande parceria entre Ministério da Cultura, Sempre um Papo e Circuito CBMM de Cultura. O grande homenageado do festival foi Ziraldo, por comemorar seus 80 anos, no último sábado, 10.

 O escritor, jornalista, desenhista e cartunista lançou centenas de obras, que caíram no gosto do público infantil, mas, em meados dos anos1980, ahistória intitulada “O Menino Maluquinho” se tornou um de seus maiores sucessos, se não o maior. De acordo com o escritor, ele está sempre presente nesses tipos de iniciativas. “Estou interessado em ajudar a transformar o Brasil em um país de leitores. Já fui a São João Del Rey, Betim e agora aquiem Araxá. Ontem[9] fiquei muito encantado com a qualidade das perguntas que a plateia do Verissimo e do Hatoum fez. Foi uma coisa encantadora”, disse.

 Para Ziraldo, trabalhar com criança não tem segredo, pois a fórmula do sucesso é a simplicidade. “Tem 30 anos que falo ‘leia para criança’. O Banco Itaú fez uma campanha de lobo mau, sapo, princesinha. A criança de hoje não está querendo mexer com isso não. Leia para a criança. Leia para e leia com. Leia então Menino Maluquinho, Ruth Rocha, mas não lobo mau”, deixou seu recado de forma muito bem humorada, antes de entrar no palco, em entrevista coletiva.

A atração reuniu centenas de pessoas em espaço especialmente montado na FCCB. O Fliaraxá tem uma proposta multicultural e pedagógica, tendo no incentivo e contato com o universo literário seu principal objetivo. A educação para a literatura toma forma tangível quando há oportunidades de estreitamento de laços com os livros e, principalmente, com seus autores.

O 1° Fliaraxá abordou, como um dos temas, o processo da criação literária, com os escritores Luis Fernando Verissimo e Milton Hatoum. “Pela primeira vez, participei do festival compondo uma mesa com Luis Fernando Verissimo. É uma honra. Acho importante o festival para estabelecer uma conversa com os leitores. Quando você escreve, você não conhece o leitor. Ele é uma abstração. Em um encontro literário, você acaba dialogando com o leitor. A educação é o caminho que pode ajudar a tornar o mundo melhor, com grandes escritores”, comentou Hatoum.

 Luis Fernando Verissimo relembrou que Hatoum é um de seus grandes amigos e até fez uma homenagem a ele. “Eu o admiro muito. Em um livro que escrevi, chamado ‘O Opositor’, em história que se passa em Manaus, tem um dono de bar que se chama Hatoum. O ator sempre é o último a saber de onde vêm essas ideias. A internet é muito importante para a leitura com a sua comunicação instantânea, mas tem suas desvantagens, porque vários atrativos do livro tradicional estão se perdendo. Acredito que o livro continuará tendo o seu encanto”, ressaltou.

 O ator de teatro Thiago Félix assistiu à atração e ficou deslumbrado com tanto conhecimento passado para todos. “Iniciativas como essa são importantíssimas para fomentar a cultura literária em uma cidade como Araxá, ainda mais com grandes nomes de escritores como Verissimo, Fernanda Takai, dentre outros, e homenageando o grande escritor, que é o Ziraldo”.

 “Fiquei em um mundo cheio de conhecimentos com esses escritores passando suas experiências de vida para nós. A organização está de parabéns pela escolha”, destacou Maria de Angelis Sabba, estudante, de Sabará.

 Segundo uma das organizadoras, Maria Amália Dumont, o 1° Fliaraxá mostrou que a cultura literária ainda tem seu espaço garantido entre os populares. “O sucesso é total. Estamos com as estações literárias lotadas, mesmo com essa chuva. O araxaense veio, prestigiou, gosta de ler e dos bons escritores nacionais. Isso é o resultado que vem de muito tempo. Considero que Araxá tem um grande número de leitores e, cada vez, essa experiência literária cresce em nosso meio. Aqui tivemos de crianças até idosos se esforçando para conhecer seus ídolos”.

 Maria Amália acredita que cada estação literária recebeu cerca de 4.000 pessoas. “A próxima estação literária vai ser em setembro e fará parte do calendário de eventos para Araxá”, finalizou.