Destaque »

Aracely assina convênio com o Ministério da Integração Nacional no valor de 45 milhões

13 de dezembro de 2018 – 11:45 |

O prefeito Aracely de Paula esteve em audiência com o Ministro da Integração Nacional, Antônio de Pádua, na quarta-feira, 12, em Brasília. O encontro no gabinete do presidente da Câmara Federal, Deputado Rodrigo Maia, marcou …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Diversos

Araxá entra no ciclo de debates da revisão anual do PPAG da Assembleia Legislativa

Audiência pública foi realizada nesta 2ª-feira, 22, no salão da Pousada Dona Beja, e reuniu centenas de espectadores que discutiram sobre a educação no Estado.

Na tarde desta segunda-feira, 22, Araxá foi o primeiro município a receber uma das quatro audiências públicas para discutir sobre a revisão do Plano Plurianual de Ação Governamental (PPAG) 2012-2015, no salão da Pousada Dona Beja. O objetivo do encontro era debater sobre os rumos da educação no Estado, com a união de secretários, diretoras, inspetores de ensino e profissionais do setor.

Elaborado a cada quatro anos, o PPAG estabelece, de forma regionalizada, os objetivos, metas e investimentos da administração pública em setores estratégicos. Apesar de todos os Estados realizarem um planejamento de suas ações para o quadriênio, Minas Gerais foi pioneiro ao estabelecer, desde 2003, a revisão anual. Nas audiências como a realizada em Araxá, representantes da sociedade civil podem propor mudanças no planejamento do Estado, garantindo mais investimentos para as políticas públicas que eles consideram prioritárias.

“Hoje [22] nós estamos tendo a oportunidade de promover a revisão e, se for necessário, o aperfeiçoamento dessas diretrizes elencadas no PPAG. Estamos aqui para verificar o que a população está percebendo em relação a ações implementadas pelo PPAG. Araxá nos recebeu de portas abertas, e a Assembleia só será realmente digna do apreço de todos os mineiros se conseguir dar a resposta a todos os anseios do seu povo por meio de um debate qualificado, como este nas audiências de revisão do PPAG”, disse o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Dinis Pinheiro.

Segundo Dinis, a cidade de Araxá sediando uma audiência pública só mostra a importância que esse município tem para o Estado em todos os setores. “É uma cidade ousada, inovadora e revolucionária pela sua pujança econômica, pela sua participação do setor educacional, enfim, tem uma presença de destaque em todos os segmentos de Minas Gerais”, acrescentou.

Na abertura dos trabalhos, o presidente da Comissão de Educação, Ciência e Tecnologia, deputado Bosco (PT do B), destacou o papel central da educação na melhoria dos indicadores sociais e econômicos brasileiros. “O futuro de um Estado, de um país, passa necessariamente pela educação, e esse tema talvez seja o mais importante do PPAG. Em qualquer outra área em que se pense em implementar melhorias, mais cedo ou mais tarde, essa discussão passará pelo tema educação”, colocou.

Cada encontro, seja na capital ou no interior, tem como tema específico uma das 11 Redes de Desenvolvimento Integrado que congregam os vários programas estruturadores do PPAG. Neste encontro de Araxá, o tema foi a Rede de Educação e Desenvolvimento Humano, que tem como meta garantir à população amplo acesso à educação de qualidade e com maior empregabilidade.

Os objetivos estratégicos são acelerar o aumento da escolaridade média, consolidar a rede pública como um sistema inclusivo de alto desempenho, reduzir as desigualdades educacionais e aumentar a oferta de emprego e renda e a qualidade e a produtividade do trabalho. Para cumprir esses objetivos, três programas estruturadores fazem parte desta rede: Melhor Emprego, Educação para Crescer e Pró-Escola.

Bosco comentou que a realização da audiência pública em Araxá aponta o grande anseio da Assembleia Legislativa, que é interiorizar as questões referentes ao Estado. “Essa audiência é bastante abrangente, uma vez que temos aqui representantes não só do Alto Paranaíba, mas do Triângulo Mineiro, do Centro-Oeste de Minas Gerais, enfim, de várias outras regiões”, contou.

De acordo com o reitor do Centro Universitário do Planalto de Araxá (Uniaraxá), Válter Gomes, a área da educação está precisando de bastantes investimentos, “e viemos com a expectativa de dar melhores números para a educação em Minas Gerais, uma vez que é a partir dela que se resolvem os problemas de outras áreas. O ensino, de uma maneira geral, está necessitando de muito mais investimentos, muito mais projetos, que realmente tragam soluções”, argumentou.

Bosco ressaltou também a necessidade de Araxá contar com uma Superintendência Regional de Ensino (SRE), pois o município está vinculado à SRE de Uberaba. Segundo Bosco, Araxá e região comportam uma superintendência de ensino. “Temos resultados importantíssimos e produtivos, que fazem com que Araxá esteja habilitada para ter essa superintendência. Eu já fiz a minha parte entrando com o pedido junto ao governador (Antonio Anastasia), com o apoio da Assembleia, e agora aproveitamos esta oportunidade sobre a discussão do PPAG para que essa proposta se fortaleça”.

No interior mineiro, a revisão do PPAG ainda vai passar por Araçuaí (Vale do Jequitinhonha), no próximo dia 30; Poços de Caldas (Sul de Minas), no dia 31; e Piumhi (Centro-Oeste), no dia 5 de novembro. A etapa na capital será aberta no dia 5 de novembro, no plenário, mas prossegue em 11 encontros distribuídos pelos dias 6, 7 e 13.