Destaque »

Aracely proibe por Decreto a vinda de trabalhadores temporários para Araxá

30 de Maio de 2020 – 5:42 |

No “Programa Bom Dia Prefeito”, da última sexta-feira, 29 de maio, a Administração Municipal informou porque é contra a vinda de trabalhadores temporários para a execução de manutenção industrial em uma mineradora da cidade. O prefeito …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Notícias

Morreu o jornalista araxaense Ronan Soares

O jornalista Ronan Soares Ferreira, de 80 anos, morreu na madrugada do último dia 30 de abril em Brasília. Ele estava internado desde março de 2018 para tratamento médico após diagnóstico de uma doença neurológica. De acordo com a família, Ronan possuía uma lesão no cérebro, o que causou a perda da lucidez. Ele foi transferido da terra natal, em Araxá (MG), para a capital federal em junho de 2018. Na época, o médico responsável pelo tratamento, Alonso Garcia, informou que o jornalista não conseguia se alimentar, além de apresentar problemas de locomoção. O velório e sepultamento ocorreram em Brasília.

Trajetória

O jornalista trabalhou por 20 anos na TV Globo, entre 1975 e 1995. Ele se interessou pela área da comunicação ainda na infância, aos sete anos, quando ajudava o tio a montar rádios, em Araxá. Cresceu escrevendo como passatempo. Aos 16 anos, Ronan foi morar em São Paulo, sozinho, e começou a trabalhar em um banco. O chefe percebeu que o funcionário gostava de ler e escrever, então ele foi escalado para fazer o primeiro número de uma revista. De volta à Araxá um ano depois, escreveu uma coluna de humor em um jornal local. Em 1975, Ronan entrou para a Globo, onde trabalhou como editor no Jornal Nacional, no telejornal “Amanhã”, no programa “Painel” e no “Globo Revista”. Ronan também foi gerente de coproduções da GloboNews. Foi um dos editores do programa jornalístico Estúdio I e fez parte da diretoria editorial de Entretenimento da Globo. Em seguida, o jornalista passou a fazer a supervisão editorial do programa Pequenas Empresas, Grandes Negócios. Em 2004, por ocasião dos 35 anos do Jornal Nacional, Ronan Soares colaborou na supervisão editorial do livro Jornal Nacional 35 anos: a notícia faz história, escrito pela equipe do Memória Globo. Ronan era filho de Tia Lúcia e Tio Hélio Ferreira. Seus irmãos: Leila Ferreira, Paulo Márcio Ferreira e Dirceu Ferreira. Era pai do escritorMarcel Souto Maior.