Destaque »

Prefeitura anuncia compra de aparelhos de mamografia, raio-x e tomografia

20 de novembro de 2019 – 19:36 |

A Administração Municipal investe pesado na área de saúde, um dos segmentos que mais têm recebido recursos na gestão do prefeito Aracely de Paula. Foram R$ 38 milhões, este ano, 19,3% do orçamento, enquanto a …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Saúde

Doadores minimizam déficit da Santa Casa

Além das verbas públicas oriundos do contrato SUS, de programas governamentais do Estado e da União, além de subsídios para pagamentos de médicos feito pela Prefeitura, Santa Casa conta uma importante e fundamental colaboração de vários segmentos da comunidade, sem as quais até mesmo sua subsistência estaria em risco de continuidade.

Como se sabe, da saúde pública no país é deficitária. O que o governo remunera é muito aquém das necessidades que sequer cobre os custos de serviços essenciais como medicamentos, materiais e serviços médico-hospitalares.

Enquanto se administra o caos da falta de recursos, por meio de ações voluntárias incentivadas e coordenadas pela Mesa Provedora obtidos produtos e serviços de relevância para o funcionamento do hospital. A maioria das colaborações é repassada de forma anônima, que por serem espontâneas, não é exigida nenhuma contrapartida nem reconhecimento público.

Um hospital é uma instituição que além de sua atividade fim, que é o procedimento médico, necessita de manutenção de equipamentos, reparos na infraestrutura física, adaptações de áreas internas para remanejamentos de equipamentos, material de limpeza, alimentação de pacientes e empregados e um infinidade de outros itens.

Na lista que segue dá para se ter uma dimensão da atuação de empresas e pessoas físicas, que encontram na Santa Casa um porto para exercerem a liberalidade de colaborar num setor tão essencial para o ser humano, notadamente aos mais necessitados, que é a saúde.

Doadores identificados de bens ou serviços, pessoas físicas e jurídicas, averbações de 2019. Registre-se que há doações anônimas Todas são sempre oportunas e bem acolhidas.

José Luis Sayegh(serviços de engenharia na endoscopia, almoxarifado e concreto para pátio da cozinha), Sicoob-Crediara (móveis e divisórias), Fama (lavatórios sanitário), Rio Branco Petróleo (campanha para setor de radiologia), Emílio Neumann e Bruno Neumann(custeio de mão de obra para sala de geradores),Manfil (telhas para sala de geradores) BR Engenharia(mão de obra para interligação de cabos elétricos), Calsimec (aluguel de caminhão munck e peças metálicas)Fama, Ivan Biondi e Danilo de Souza (brita para pátio da cozinha), Sackett do Brasil (mão de obra e materiais para Centro de Material Esterilizado)Woli (cursos de capacitação), Zezé Outdoor (adesivos para maternidade), Clube Araxá (cessão de salão para evento), Rotary Club Araxá(equipamentos hospitalares), Itamar Machado(equipamentos e mobiliário), Guilherme de Castro (mobiliário), SueleneRibeiro Silva (pagamento de conta de água), Valda Sanchez (pagamento de conta de água), DBR (mão de obra para manutenção elétrica), Calsomam (mão de obra para manutenções diversas), Bade Lavanderia (serviços dos geradores), Esther Rios (mobiliário para projeto Ame Neuro), Paróquia Sagrada Família (campanha para custeio geral, biópsias e utensílios para cozinha) . Produtora e veículos de Comunicação (espaço publicitário para campanha Parcerias que Salvam Vidas) Imerce Produções, TV Integração, A Voz de Araxá, Araxá Agora, Jornal Interação, Portal Araxá, TV Web Araxá, Clarim, Jornal Interação, Correio de Araxá, Campos Outdoor, RZG, Zezé Outdoor e emissora de rádio: Imbiara, Cidade, Jovem Pan e Volt. Outra importante contribuição são doações de alimentos de diversas variedades feitos por (entre os identificados): Sicoob, Serya Alimentos, Mosaic, Danilo Esteves Pires, Leandro Polazi, Elaine Di Mambro, Claudinei Mapelli, Vicente e José Célio, Marina Nutricionista, Shaman, Vicente Vieira Filho, Lar Ebenezer, Mutirão de MãesCemei, Milton Godoy, Sesc, Casa do Caminho) Jorge Akel, Carlos Luz e amigos, Moto Clube, Rios e Cambraia Produtos de Dieta.

A todos, o reconhecimento dos administradores da Santa Casa de Misericórdia de Araxá. Como já amplamente divulgado, os membros que compõem a atual Mesa Provedora são todos interinos até o final deste ano, em uma composição necessária para não interromper as atividades. O que todos esperam é se surja um novo grupo de voluntários, ou até mesmo de profissionais remunerados – como permite a atual legislação – para assumir a gestão da Santa Casa. Mesmo se tiver êxito nas negociações dos contratos SUS – previsto para ocorrer ainda este ano – a Santa Casa sempre necessitará do apoio e da colaboração da comunidade. Fica portanto registrado o relevo da atuação de todos aqui mencionados.