Destaque »

Zema passa gestão do Palácio das Mangabeiras para Codemge

26 de junho de 2019 – 11:47 |

O governador Romeu Zema assinou, na semana passada,   despacho governamental celebrando convênio de cooperação entre o Estado de Minas Gerais e a Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge) para a gestão do Palácio …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Esporte

Brasil vence o Qatar em Brasília em amistoso preparatório para a Copa América

Em jogo preparatório para a Copa América, que começa no dia 14, a equipe do Brasil enfrentou na quarta-feira o time do Qatar e venceu por 2 a 0. O jogo foi realizado no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. O Brasil jogou com Éderson, Daniel Alves (Militão), Miranda, Marquinhos e Filipe Luis (Alex Sandro); Casemiro, Arthur (Fernandinho) e Philippe Coutinho (Paquetá); Neymar (Éverton), Richarlison (David Neres) e Gabriel Jesus. Jogando em ritmo de treino, aos 16 minutos Richarlison fez o primeiro gol do Brasil, de cabeça. Depois de toda a polêmica sobre Neymar durante a semana, o craque saiu contundido aos 20 minutos. Aos 23 minutos Gabriel Jesus marcou o segundo gol brasileiro. Aos 38 minutos o árbitro marcou pênalti a favor do Brasil, mas após consulta ao VAR voltou atrás. Com muitas substituições, o Brasil caiu muito de ritmo no segundo tempo e não conseguiu marcar mais gols no fraco time do Qatar, que no último minuto teve um pênalti a seu favor, mas o atacante cobrou na trave. Neste domingo a equipe brasileira faz o último amistoso antes da Copa América contra a equipe de Honduras, no Estádio Beira-Rio, às 16 horas.

 

São Paulo e Cruzeiro empatam no Pacaembu

Precisando se recuperar, São Paulo e Cruzeiro fizeram bom jogo no domingo passado, no Pacaembu, por conta da interdição do Morumbi, tendo em vista a realização da Copa América a partir do dia 14 deste mês, e empataram pelo placar de 1 a 1, o que não melhorou a condição de nenhum dos dois clubes. O São Paulo vinha da desclassificação da Copa do Brasil frente ao Bahia, e o Cruzeiro depois de perder em casa para a Chapecoense e estar ocupando a 16ª posição no Brasileirão. Em campo, aos 14 minutos, Pato recebeu passe de Reinaldo e no meio de quatro defensores do Cruzeiro dominou e bateu de esquerda sem chance para Fábio. Aos 22 minutos do segundo tempo, em cobrança de falta,Thiago Neves empatou para o time celeste.

 

Atlético goleia o CSA no domingo

No Estádio Independência, no domingo à noite, o Atlético recebeu o CSA de Alagoas, em partida válida pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, e venceu por 4 a 0. Desde o primeiro minuto o Atlético partiu pra cima a fim de decidir a partida, obrigando o goleiro Jordi a grandes defesas. Aos 11 minutos Chará driblou três zagueiros e bateu de perna esquerda na trave do gol do CSA. Aos 17 minutos Alerrandro sofreu pênalti que Fábio Santos converteu para o Galo. Aos 22 minutos, Cazares, cobrando falta, fez o segundo do time mineiro. Logo aos 5 minutos do segundo tempo o colombiano Chará  ampliou para o Atlético. Aos 30 minutos, Adilson transformou o placar em goleada para o Galo, que com a vitória assumiu a vice-liderança do Brasileirão.

 

Flamengo vence o Corinthians e se classifica

Pela partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, Flamengo e Corinthians se enfrentaram na terça-feira, em jogo que terminou com a vitória do rubro-negro por 1 a 0. Como havia ganho o jogo de ida, em São Paulo, também por 1 a 0, o Flamengo se classificou para as quartas de final. O Mengão começou melhor, mas aos poucos o Corinthians equilibrou o jogo. Aos 35 minutos, Ralf pegou a sobra de cobrança de escanteio e finalizou forte. A bola explodiu no poste superior de Diego Alves. Mas aos 42 minutos do segundo tempo Rodrigo Caio marcou para o Flamengo, dando a vitória e a classificação para as quartas de final ao Flamengo.

 

Cruzeiro vence o Fluminense nos pênaltis

Pela Copa do Brasil, no Mineirão, jogaram na quarta-feira Cruzeiro e Fluminense, que haviam empatado a primeira partida. Ao final, novo empate  por 2 a 2. Aos 15 minutos, Ganso, cobrando pênalti cometido por Dedé, abriu a contagem para o Flu. No segundo tempo, jogando melhor, o Cruzeiro empatou com Thiago Neves, aos 13 minutos, de cabeça. Aos 20 minutos Pedro Rocha sofreu pênalti que Sassá bateu e Agenor defendeu. Aos 36 minutos Thiago Neves cobrou e converteu pênalti sofrido por Lucas Romero. Aos 51 minutos, no último minuto dos acréscimos, João Pedro, de bicicleta, empatou para o tricolor carioca, forçando o jogo a ir para a decisão nos pênaltis. Nas cobranças, o Cruzeiro venceu por 3 a 1 e se classificou para as quartas de final.

 

Flamengo vence o Fortaleza no Rio

Sob a direção do técnico interino Marcelo Salles, após a demissão de Abel Braga, o Flamengo, que contratou o técnico português Jorge Jesus somente para os jogos a partir de julho, jogou contra o Fortaleza no sábado e venceu por 2 a 0. A partida aconteceu no Estádio Engenhão, por conta da interdição do Maracanã para a Copa América. Aos 39 minutos do primeiro tempo, Gabigol recebeu passe de Arrascaeta e empurrou para as redes do Fortaleza, inaugurando o placar. Aos 24 minutos do segundo tempo, novamente Arrascaeta lançou Gabigol que tirou do goleiro e fez o segundo do Mengão. O Flamengo ainda teve outras oportunidades de gol, inclusive uma bola na trave em cobrança de falta, mas o jogo terminou mesmo 2 a 0 para o rubro-negro.

 

Botafogo vence o Vasco no Engenhão

Botafogo e Vasco fizeram o clássico carioca, disputado no domingo pela manhã, no Estádio Nilton Santos, o Engenhão, válido pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Ao final da partida, vitória do Botafogo por 1 x 0. O primeiro tempo foi bom, com mais posse de bola do Botafogo, apesar do zero a zero, mas o melhor lance foi uma bola cruzada por Rossi que Tiago Reis mandou no poste esquerdo do goleiro Gatito Fernández, aos 32 minutos. Aos 12 minutos do segundo tempo Rodrigo Pimpão cruzou para Diego Souza que matou no peito e soltou a bomba da entrada da área, fazendo o único gol da partida. Com a vitória, o Botafogo passou a ocupar a sétima posição do campeonato, com 12 pontos ganhos, enquanto o Vasco continua na lanterna com 3.

 

Bahia derrota o Grêmio

Pela sétima rodada do Brasileirão, Bahia e Grêmio se enfrentaram no sábado passado, em Pituaçu, por conta da interdição da Fonte Nova para a Copa América, com vitória do Bahia por 1 a 0. Renato Gaúcho poupou Maicon e não pôde contar com Marcelo Oliveira, Paulo Miranda, Cortez, Alisson e Luan, lesionados, mais Matheus Henrique, na Seleção Olímpica, e Everton, na Seleção Brasileira. No primeiro tempo o Bahia atacou mais, e o Grêmio armou o contra-ataque como melhor arma, tendo duas boas oportunidades que pararam na mão do goleiro Douglas. No segundo tempo, aos 7 minutos, Geromel cometeu pênalti. Aos 9 minutos, após confirmação da penalidade pelo VAR, Fernandão converteu e deu a vitória para o time da Boa Terra.

 

 

Athletico-PR derrota o Fluminense

No domingo, na Arena da Baixada, o Athletico jogou contra o time alternativo do Fluminense e venceu por 3 a 0. Logo aos 21 minutos Lucho González recebeu cruzamento de Rony pela esquerda e inaugurou o placar. Airton, do Fluminense, foi expulso aos 33 minutos do primeiro tempo, prejudicando o tricolor carioca. Aos 37 minutos foi a vez do próprio Rony marcar e ampliar a vantagem do Athletico. Aos 40 minutos do segundo tempo Marcelo Cirino bateu, a bola desviou na zaga e enganou o goleiro. Com a derrota, o Fluminense caiu para o 16º lugar, com apenas 6 pontos ganhos.

 

Chapecoense é derrotado pelo Palmeiras

O líder Palmeiras foi até a Arena Condá no domingo à noite para enfrentar o bom time da Chapecoense, em partida válida pela sétima rodada do Brasileirão 2019. Aos 13 minutos Rildo mandou a bola para a rede do Palmeiras, mas o árbitro de vídeo confirmou impedimento do atacante. Aos 32 minutos Dudu, de perna esquerda, abriu o marcador para o Verdão. Aos 36 minutos a bola tocou na mão de Deyverson e após consulta ao VAR foi confirmado o pênalti, que Everaldo converteu e empatou para a Chape. Aos 45 minutos, Marcos Rocha desempatou para o Palmeiras. No segundo tempo a Chapecoense, jogando em casa, até tentou o empate, mas o Palmeiras com seu elenco manteve a vitória, continua invicto e líder absoluto do Campeonato Brasileiro.