Destaque »

Lídia Jordão faz palestra no 13º Encontro Mulheres com Direito

17 de maio de 2019 – 19:12 |

Lídia Jordão representou Minas Gerais, juntamente com mais nove mulheres da área do Direito, de outros estados do País. Ela foi convidada pela coordenação geral  do Encontro, através da Drª Fabiana Garcia. Para Jordão, …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Cultura, Destaque

Concurso Mister Negro é atração do dia 13 de maio em Araxá

O Teatro Municipal de Araxá foi palco do 1º Concurso Mister Negro, promovido pela Prefeitura, através da Fundação Cultural Calmon Barreto (FCCB) e Centro de Referência da Cultura Negra, na noite da última segunda-feira, 13 de maio. Oito candidatos disputaram os títulos de Mister Negro e Garoto Internet. O evento foi prestigiado pela Secretária de Governo Lucimary Ávila, que representou o Prefeito Aracely de Paula; pelo Secretário de Ação e Promoção Social, Moisés Cunha; pelo Superintendente de Fazenda, Leovander Ávila; pela supervisora de Museus e Bens Culturais, Maria Angélica Torres Gotelip Barbosa; pelo vereador Adolfo Maurício que representou o Poder Legislativo, familiares e apoiadores do concurso. Junto com o desfile, os organizadores promoveram apresentações de dança (Maculelê), de capoeira, da bateria da escola de Samba Unidos do Morro e desfile de modelos. Os candidatos esbanjaram simpatia ao desfilarem com trajes esportivo/casual, de banho e social, sendo avaliados por onze jurados.  O título de Mister Negro foi para Lucas Matheus; o 2º lugar ficou com o William Silva e o vencedor pela categoria Garoto Internet foi Wellintom dos Santos. A secretária, Lucimary Ávila agradeceu a presença de todos e destacou a importância do concurso. “Quero parabenizar os organizadores e os candidatos. Esse é um evento cultural muito importante, engrandece a nossa cidade e enriquece a nossa administração”.A presidente da FCCB, Régia Côrtes, reforçou que a Prefeitura Municipal de Araxá apoia e valoriza os eventos culturais da cidade. Informou que o concurso enaltece a beleza e a cultura negra masculina, trabalha a autoestima, valoriza a estética afro-brasileira, criando oportunidades social e profissional para os envolvidos. “Agradeço o empenho de todos os monitores do Centro de Referência da Cultura Negra que não mediram esforços para a organização e realização do evento, agradeço aos componentes da comissão julgadora, aos colaboradores e parceiros”. A diretora de eventos do Centro de Referência da Cultura Negra, Marlene Apolinário,  ressaltou que aproveitaram o dia 13 de maio para lembrar os 131 anos da Abolição da Escravatura. “Nada melhor do que promover uma festa para valorizar a cultura e a beleza, ações que reforçam a importância da raça negra na construção do país. É um empoderamento dos negros de Araxá, a avaliação é excelente, foi além das nossas expectativas, foi muito bom”.  O supervisor do Centro de Referência da Cultura Negra, José Ronan dos Santos, lembrou que os monitores organizaram o concurso Miss Beleza Negra, em 20 de novembro e agora no 13 de maio, o Mister Negro, já pensam na segunda edição dos dois eventos, é um grande incentivo para as festividades nestas datas comemorativas. “O negro está na luta, temos miss mundo, miss universo, é uma forma de promover o movimento cultural. Vendo a euforia dos candidatos, a torcida das famílias e dos amigos, a gente fica muito realizado, a avaliação é positiva”.