Destaque »

“Grande Arraiá” anima o fim de semana com música, dança, humor e comidas típicas

17 de julho de 2019 – 11:57 |

Evento com entrada gratuita será realizado no pátio da Fundação Cultural Calmon Barreto
 
Caldos, churrasco, quentão, pastel? Tem.
Quadrilha pra quem for e pra ver? Não falta.
Humor e os …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Saúde

Conferência Municipal de Saúde debate melhorias para o setor

Democracia e Saúde – Saúde como Direito e Consolidação e Financiamento do SUS. Esse foi o tema tratado na 9ª Conferência Municipal de Saúde realizada no salão do Clube Araxá. O evento promovido pela Secretaria de Saúde e pelo Conselho Municipal de Saúde é um momento democrático que tem por finalidade promover a discussão de ações que contribuam para a solução de problemas enfrentados pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Participaram da conferência a promotora de Justiça, Mara Lúcia Silva Dourado, a presidente do Conselho Municipal de Saúde, Cristiane dos Santos  Andrade, a secretária de Saúde, Diane Dutra, a vice-prefeita Lídia Jordão, representando o prefeito Aracely de Paula, usuários do SUS, trabalhadores do setor e comunidade de um modo geral. Mais de 300 pessoas prestigiaram o evento. Apesar de mais de 30 anos de atuação, o SUS ainda encontra-se em construção, é considerado uma política pública de enfrentamento das desigualdades do país e uma das principais políticas de direitos universais. De acordo com a secretária Diane Dutra, o debate é importante para unir maior número de sugestões em prol do melhor funcionamento do Sistema SUS. “É esse momento que a população pode participar, procurando entender melhor como funciona e dando as suas sugestões”.  Cristiane acrescenta que quando há um trabalho em conjunto entre o conselho e a secretaria para beneficiar a comunidade em geral. “Nosso objetivo é proporcionar o melhor atendimento para o usuário de saúde de Araxá ou do Estado”. Lídia Jordão enfatiza que a conferência levar até a população como funciona o Sistema de Saúde. “Hoje existe grande dificuldade na Saúde, um subfinanciamento dos procedimentos que são mal pagos pelo SUS. Estamos aqui para fazer propostas que minimizem esses problemas, não só dos municípios, mas do Estado e da União”. Na ocasião, a conferência elegeu 12 delegados que participarão da Conferência Estadual de Saúde que será realizada em junho, na cidade de Belo Horizonte.