Destaque »

Malvinas e Villa Nova saem na frente na semifinal do Amador

19 de novembro de 2019 – 11:34 |

Começaram no último domingo, dia 17 de novembro de 2019,  no estádio Fausto Alvim, as semifinais do Campeonato Amador de Araxá, versão 2019, promovido pela Liga Araxaense de Desportos. Na primeira partida da manhã …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Notícias

Pesquisa de preços de ovos de páscoa em Araxá

O Programa Municipal de Proteção e Defesa ao Consumidor (Procon) encomendou pesquisa com os preços de ovos de páscoa. Foram pesquisados 81 itens em 07 estabelecimentos da cidade, entre os dias 19 de março a 01 de abril, contribuindo para a compra sensata do produto pelo consumidor. A pesquisa faz parte de ações que contribui para o bem-estar do cidadão araxaense.Foram comparados os preços de ovos considerando marcas pré-definidas comercializadas em todos os estabelecimentos pesquisados. A pesquisa apontou diferenças de até 97% no mesmo produto da mesma marca e peso em diversos estabelecimentos. A maior variação de preço, por exemplo, foi registrada no ovo de páscoa L.O.L SUPRISE CANECAS (150g), da Garoto, que em um estabelecimento custa R$ 36,98 e, em outro, R$ 72,99.De acordo com a secretária executiva do Procon Araxá, Belma Nolli, o objetivo da pesquisa é oferecer ao público uma referência do menor preço encontrado nesse intervalo de tempo da pesquisa e auxiliar na tomada de decisão. “Os preços podem sofrer alterações fora desse período e que até lojas da mesma rede podem praticar preços diferentes”. O Procon também alerta que o consumidor deve observar alguns detalhes, como data de validade, se a embalagem está intacta e lacrada, tabela nutricional, peso.  A venda do ovo quebrado não é proibida, mas deve estar separada dos outros ovos de páscoa e com um preço mais acessível ao consumidor, identificando que ele está variado ou quebrado. “Em caso de ovos acompanhados de brinquedos infantis, os pais devem observar se o brinquedo possui selo de certificação de qualidade e indicação de idade para uso.  Exija sempre a nota fiscal para resguardar o direito de troca ou possível reclamação”, destaca Belma. A lista completa de produtos com os respectivos valores pode ser encontrada na sede do Procon (Rua Perdizes, 280 – Centro) e no site www.procon.araxa.mg.gov.br.