Destaque »

Catarina enfrenta ventos fortes, mar agitado e baixa temperatura da água na travessia do Canal da Mancha

13 de setembro de 2019 – 18:25 |

Por Maurício de Castro Rosa
O ser humano é o único animal que arrisca sua vida sem ser para comer ou se salvar de um predador. Ele arrisca a vida por adrenalina, por emoções, por desafios, …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Saúde

Campanha arrecada 80 bolsas de sangue em Araxá

A 10ª Campanha de Doação de Sangue, realizada no Centro Universitário do Planalto de Araxá (UNIARAXÁ), na semana que passada, resultou na coleta de 80 bolsas de sangue. O sangue coletado será destinado ao HEMOMINAS, de Uberaba – responsável pelo abastecimento de Araxá e região – retornando às agências transfusionais de Araxá, sempre que necessário. A Campanha de Doação em Araxá conta com uma equipe, composta por Professores e Estudantes do Curso de Enfermagem do UNIARAXÁ, Associação de Doares de Sangue de Araxá (Sangue Bom); além de parceiros, como UNIMED, Hospital Dom Bosco, Hospital Santa Casa, ZEMA, Rotary, Ortopedia Saúde, Secretaria Municipal de Saúde e voluntários. Entre os requisitos básicos para doar sangue estão: ter idade entre 18 e 64 anos; pesar acima de 50 kg; não ter tido hepatite, após os 10 anos de idade; não estar gripado, resfriado, com febre ou diarreia; não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas; não ser usuário de drogas; não apresentar ferimento, ainda, não cicatrizado; não estar grávida ou em período de amamentação; não ter feito tatuagem, sobrancelha (definitiva ou micropigmentação), nos últimos 12 meses; entre outros. É necessário, também, antes de doar, alimentar-se bem; e, nunca fazer a doação em jejum. Outras condições, que, também poderão impedir que a pessoa doe sangue, são avaliadas na triagem, antes da doação. É realizada uma entrevista com um médico, que faz algumas perguntas de caráter pessoal e íntimo. As informações prestadas são mantidas em rigoroso sigilo. A entrevista inicial é importante, pois existem condições, como sorologia positiva para HIV, que podem ser transmitidas pelo sangue; e, que, às vezes, não podem ser identificadas, dentro de período chamado Janela Imunológica; que pode ocorrer após os primeiros meses da infecção com o vírus. Ademais, no ato da doação, é necessário apresentar documento original, com foto – Carteira de Identidade, de Trabalho, Profissional, Conselho de Classe ou Certificado de Reservista.