Destaque »

FestNatal resgata e destaca tradição das Folias de Reis

18 de dezembro de 2018 – 11:53 |

Uma tradição que está na alma do mineiro. Símbolos da chegada do período natalino e recentemente reconhecidas como Patrimônio Imaterial do Estado, as Folias de Reis ganharam espaço este ano no maior Festival Natalino de …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Notícias, Saúde

CME expõe laços da Campanha Outubro Rosa em Araxá

O mês de outubro, em todo o mundo, é voltado para chamar a atenção para a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama. Pensando nisso, a Câmara da Mulher Empreendedora da Acia (CME) realizou na noite da última sexta-feira, 28, uma belíssima vernissage com o lançamento da exposição de laços da Campanha Outubro Rosa 2018 no Teatro Municipal. Cada laço, criado com delicados trabalhos manuais, fazem uma homenagem às artesãs de Araxá com um resgate do artesanato da nossa terra.

As obras foram concebidas por artistas ou grupos que utilizaram as técnicas de:

*Fuxico, feitos pela artesã Kátia Regina da Silva que aproveitou restos de tecidos variados, foram confeccionados 450 fuxicos em dois tecidos diferentes;

* Bordado, confeccionado pelo Grupo Pontos e Encantos, formado por mulheres que se reúnem pelo prazer de bordar e cultivar a amizade;

*Tear, desenvolvido pelo Ateliê de Tecelagem da Fundação Cultural Calmon Barreto que há 34 anos resgata e preserva a tradição dos teares mineiros;

*Mixed Media Arts, técnica muito encontrada na Rússia e Estados Unidos. A artesã Gilmara Maria Castro misturou vários elementos e texturas;

* Quilting, da artesã Priscila Serato que desenvolveu o seu laço com uma técnica de acolchoamento;

*Mix de artesanatos desenvolvido pelas artesãs Marisa Rufino e o Coletivo Marias Poderosas do Núcleo de Fortalecimento de Vínculos Santo Antônio;

*Cata-ventos tridimensionais em EVA, feito pelas artesãs Fabíola Aguiar Trompieri, Iraci Gonçalves Moserle, Joziane Ferreira da Silva e Núbia Cristina da Silva;

*Pudim de Pano, técnica utilizada por Mariana Marques Tannús Araújo que reflete bem a costura criativa e dá vida aos retalhos;

* Rosas de Crochê, confeccionadas pela artesã Isa Braga de Araújo para cobrir todo o laço em diferentes cores;

* Diversas técnicas manuais sendo elas pintura, costura, crochê, boneca de pano e bainha aberta, desenvolvidas pelas artesãs Ivone Merege; Nancy de Oliveira Honório; Ana Paula Fidélis; Ionice Maria dos Santos da Equipe Amor e Arte;

* Patchword em EVA, desenvolvido pela artesã Bel Ferreira, que durante o evento contou sobre sua história de superação do câncer de mama, e emocionou a todos.

Exposição

Os laços ficaram expostos no  teatro para a visitação até o dia 3 de outubro. No final de semana, de 5 a 7 de outubro, serão deslocados para o Jardim Criativo Fair, um espaço criativo no qual ocorrerão várias oficinas e palestras, no Espaço Bella Festa (antigo restaurante Armazém). De 8 a 14 outubro, cada laço estará exposto em pontos variados da cidade, em lugares de maior visibilidade. Como ocorreu em 2017, de 15 a 29 de outubro, o laço ficará na empresa patrocinadora para que seus públicos diretos tenham oportunidade de desenvolver maior associação com a causa.

Retrospectiva

Em Araxá, há oito anos, a Câmara da Mulher Empreendedora da Acia tem desenvolvido ações, durante outubro, com este propósito. Dentre as atividades já implementadas estão a distribuição de lacinhos individuais, o incentivo para que instituições e empresas utilizem a cor rosa. Em 2016, foi lançada a exposição de laços gigantes, na parte externa do Shopping Boulevard, para dar visibilidade à necessidade do diagnóstico precoce. Para dar continuidade a esta ação, no ano passado, foi adicionada na proposta uma vertente cultural com a valorização do trabalho de artistas plásticos de Araxá. O trabalho feito em papel ou tela foi plotado nos laços. Houve uma vernissage no Party House, que ocorreu concomitante à Roda de Conversa “Mulheres de alto impacto plantam sonhos e colhem resultados brilhantes”. A exposição dos laços, que é uma iniciativa única no Brasil, foi sucesso de público e  gerou inúmeras matérias na mídia de Araxá e região.