Destaque »

Catarina enfrenta ventos fortes, mar agitado e baixa temperatura da água na travessia do Canal da Mancha

13 de setembro de 2019 – 18:25 |

Por Maurício de Castro Rosa
O ser humano é o único animal que arrisca sua vida sem ser para comer ou se salvar de um predador. Ele arrisca a vida por adrenalina, por emoções, por desafios, …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Notícias

Atendimento às crianças no berçário e maternal em Araxá supera meta nacional

O município de Araxá já superou a meta 1 do Plano Nacional de Educação (PNE) e de seu Plano Municipal de Educação (PME) que é  ampliar a oferta de educação infantil,  de forma a atender, no mínimo, 50% (cinquenta por cento) das crianças de até 3 (três) anos. Na cidade, o índice de crianças atendidas,  em 2018,  supera a meta e ainda faltam seis anos para terminar o prazo. Segundo a secretária de Educação, Gessy Glória Lemos, dados levantados pelo IBGE e disponibilizados no portal do PNE em Movimento, apontavam que em 2016 Araxá já tinha 51,1% das crianças de berçário e maternal matriculadas nas escolas de educação infantil. Com os investimentos  feitos pela Administração Pública, foram criadas nos dois últimos anos, mais de 500 vagas para crianças de 0 a 5 anos. Foram construídos os Centros Municipais de Educação Infantil (Cemeis) Maria das Dores Faria da Fonseca (Alvorada), Marlene Braga (Max Neumann), Olga Cunha Pinheiro (Centro), Dona Petrosa (São Pedro) e Querobina Gomes Borges (Pão de Açúcar IV). Receberam ampliação de salas e turmas os Cemeis Dalva Santos Zema (Pão de Açúcar), Doralice Afonso  de Azevedo (Ana Antônia), Delica Pereira Vale (Santo Antônio), Querobina Gomes Borges (Pão de Açúcar IV) e Maria das Dores Faria da Fonseca. A Educação Infantil de 4 e 5 anos – pré-escola  também é oferecida nas Escolas Romália Porfírio de Azevedo Leite (Max Neumann), Dona Gabriela  (Centro), Alice Moura (situada provisoriamente no prédio do Uniaraxá) e Professor Nelson Gomes (Santo Antônio).  A rede municipal conta ainda com crianças de 0 a 5 anos matriculadas em escolas conveniadas, totalizando assim mais de 5 mil crianças matriculadas somente nas Unidades de ensino assistidas pela Secretaria Municipal de Educação. Gessy acrescenta que na pré-escola a meta era universalizar o atendimento para as crianças de 4 e 5 anos até 2016, o que vem sendo cumprido pelo município, considerando as redes municipal e particular de ensino. Ressalta ainda que no ensino fundamental (1º ao 9º ano) não há falta de vagas.