Destaque »

Em final com 6 gols, França bate Croácia e conquista o bi mundial

17 de julho de 2018 – 0:56 |

A vitória sobre a Croácia por 4 a 2, na final da Copa do Mundo da Rússia, no domingo, coloca a França em um novo patamar no futebol mundial. O time …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Destaque, Esporte

Brasil passa pelo México e joga pelas quartas de final

 

Jogando na última segunda-feira, o Brasil derrotou o México por 2 x 0, garantindo sua passagem para as quartas de final da Copa do Mundo. Hoje, às 15 horas, o Brasil enfrentou a equipe da Belgica, mas até o fechamento desta edição ainda não tínhamos o resultado do jogo. Uruguai x França também jogaram hoje, às 11 horas, sendo que ambos os vencedores já estão nas semifinais. Para amanhã, sábado, estão programados os seguintes jogos pelas quartas de final da Copa do Mundo: Suécia x Inglaterra, às 11 horas, e Rússia x Croácia, às 15 horas.

No jogo do Brasil com o México, segunda-feira passada, o time de Juan Carlos Osorio começou melhor, tendo uma chance de gol logo aos 2 minutos, forçando Alisson a uma boa defesa e, no rebote, a bola foi desviada pela zaga para escanteio. O primeiro ataque do Brasil foi aos 5 minutos, com bola chutada por Neymar de fora da área, para defesa do bom goleiro Ochôa.

O México continuou melhor até os 25 minutos, marcando a saída de bola do Brasil e atacando com 5 jogadores, de forma a não permitir que a bola chegasse ao ataque brasileiro. A partir daí, o Brasil equilibrou o jogo, começando com uma boa jogada de Neymar pela esquerda, obrigando Ochôa a uma grande defesa em chute cara a cara. Logo depois Philippe Coutinho teve boa chance de finalização, chutando sobre a meta mexicana.

Novamente aos 32’ o Brasil teve boa chance pela esquerda com chute de Gabriel Jesus defendido pelo goleiro do México. Aos 39’, depois de falta violenta sobre Neymar, ele mesmo cobrou por cima da meta mexicana. Aos 42’ Filipe Luis levou cartão amarelo após fazer falta. Assim terminou o primeiro tempo, prevalecendo a máxima do futebol adotada por Osorio que a melhor defesa é o ataque.

No segundo tempo o Brasil voltou melhor, jogando no 4-4-2 para ganhar o meio-de-campo, e logo aos 2’ Philippe Coutinho bateu de dentro da área para boa defesa do goleiro, jogando para escanteio. Aos 4’ o México respondeu, com Gallardo, em contra-ataque, chutando sobre a meta do Brasil.

Aos 5’ jogada dos melhores do Brasil, Willian, que driblou pela esquerda e cruzou, Neymar entrou de carrinho, fazendo 1 a 0 para o Brasil. Aos 13’ Fagner fez bom cruzamento e Paulinho bateu para outra boa defesa de Ochôa. Pela primeira vez, aos 15’, o México incomodou com chute de fora da área, mas Alisson tocou para escanteio.

Aos 18’ do segundo tempo, boa jogada com a participação de dois  jogadores decisivos das suas equipes: Willian fez boa jogada pela direita, chutou de dentro da área e novamente Ochôa defendeu espetacularmente. Aos 22’ novamente Willian, sempre ele, fez boa jogada e serviu Neymar dentro da área que chutou com desvio da zaga para escanteio.

A partir dos 30’ o México veio para o tudo ou nada, pressionando a equipe brasileira que recuou muito. Mas aos 43’, após lançamento de Fernandinho para Neymar pela esquerda, houve o cruzamento e o gol de Roberto Firmino, que havia entrado no lugar de Philippe Coutinho.

FICHA TÉCNICA: BRASIL 2 x 0 MÉXICO

Local: Arena Samara, em Samara (RUS)
Data: 2 de julho de 2017, segunda-feira
Árbitro: Gianluca Rocchi (ITA)
Assistentes: Elenito Di Liberatore (ITA) e Mauro Tonolini (ITA)
Público: 41. 970 pessoas
Cartões amarelos: Filipe Luis e Casemiro (BRA); Alvarez, Herrera, Salcedo e Guardado (MEX)
Gols: BRASIL: Neymar, aos 5 min. do 2º Tempo, e Firmino, aos 42 min.

BRASIL: Alisson; Fagner, Thiago Silva, Miranda e Filipe Luís; Casemiro; Willian (Marquinhos), Paulinho (Fernandinho), Coutinho (Firmino) e Neymar; Gabriel Jesus
Técnico: Tite

MÉXICO: Ochoa; Alvarez (Jonathan dos Santos), Ayala, Salcedo e Gallardo; Rafael Marquez (Layun), Herrera e Guardado; Vela, Chicharito Hernandez (Gimenez) e Lozano
Técnico: Juan Carlos Osorio.

 

Resultados das Oitavas de Final:

Espanha  1 X 1 Rússia ( 4 X 3 )  penaltis – classificada Rússia

Croácia 1 X 1 Dinamarca ( 3 X 2 ) penaltis- classificada Croácia

Uruguari 2 X 1 Portugal

França 4 X 2 Aragentina

 

Brasil 2 X 0 México

Bélgica 3 X 2 Japão

Suécia 1 X 0 Suiça

Colômbia 1 X ! Inglaterra – ( 4 X 3 ) – classificada Inglaterra