Destaque »

Representantes da OAB se reúnem com Vereadores na Câmara

19 de junho de 2018 – 0:41 |

Na tarde da última segunda-feira (11), o Plenário Vereador Guilherme Gotelip Neto recebeu Vereadores, imprensa e diversos advogados do Município de Araxá para uma Audiência Pública. Ainda participaram membros da Diretoria da 33ª …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Saúde

Semana da Luta Antimanicomial em Araxá reforça o respeito à igualdade e às diferenças

Araxá participa da Semana Nacional de Luta Antimanicomial com ações de reflexão e exposição de trabalhos, uma iniciativa da Administração Municipal, através do Setor de Saúde Mental, da Secretaria de Saúde. Na sexta-feira,18,as atividades foram encerradas com uma caminhada que saiu da Praça da Igreja Matriz, em direção à Praça Governador Valadares passando pelo Calçadão da Rua Presidente Olegário Maciel. Participaram do evento usuários do serviço, funcionários do setor de Saúde Mental e parceiros. Quem passou pela Praça visitou a exposição dos trabalhos realizados pelos usuários nas oficinas terapêuticas, serviços oferecidos em parceria com Uniaraxá. Ainda recebeu orientação e informação sobre os atendimentos disponibilizados pelo setor de Saúde Mental. Na quarta-feira, 16, houve o Seminário de Saúde Mental com a presença de profissionais, servidores, comunidade e imprensa. O encontro foi promovido na sede da Associação Comercial, Industrial, de Turismo, Serviços e Agronegócios de Araxá (Acia) para debater o tema da Semana que é “Lutar pela igualdade, respeitando as diferenças sem discriminação”. Também divulgou para a comunidade como são conduzidas as novas diretrizes do tratamento psiquiátrico humanizado. Atualmente, a Secretaria Municipal de Saúde dispõe do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) Maria Pirola, o CAPS AD (destinado a usuários de álcool e outras drogas) e as Unidades Básicas de Saúde (UBS) que atendem pacientes de Araxá e da Microrregião (Ibiá, Pratinha, Campos Altos, Tapira, Perdizes, Santa Juliana e Pedrinópolis). A coordenadora do setor de Saúde Mental, Lourdes Maria Xavier, ressalta que o Seminário é uma capacitação para mostrar um pouco do dia-a-dia dos espaços disponíveis para atendimento de pacientes com transtornos mentais. “Nos dois CAPS, temos uma média de 100 atendimentos por mês, temos psicólogos e assistentes sociais em todas as unidades e no CAPS”, conta Lourdes. A coordenadora fez parte da mesa de abertura dos trabalhos com a secretária de Saúde, Diane Dutra, que representou o prefeito Aracely de Paula no evento, junto com a psicóloga, Olga Rios, coordenadora do curso de Psicologia do Uniaraxá. Diane reforçou os pontos trazidos pela semana que são principalmente e igualdade e respeito ao próximo. “Esse momento nos faz refletir de forma muito mais ampla sobre nossos valores e escolhas. Vivemos em constante reestruturação com a assistência psiquiátrica, uma vez que enfrentamos vários estigmas e preconceitos. Essa semana reforça cada vez mais que temos sempre que atender bem e melhorar o atendimento prestado aos pacientes com transtornos mentais”, destaca a secretária.