Destaque »

Câmara realiza 2º Fórum Comunitário sobre exames para CNH

22 de julho de 2019 – 15:40 |

A Câmara Municipal realizou, na semana passada (17/07), o segundo Fórum Comunitário para discutir os processos de exames para CNH. O encontro, solicitado pelo Vereador Pastor Claudenir (PP), foi dirigido pelo Vereador Hudson Fiuza (PSL). …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Diversos

Passeata marca comemorações da Semana da Pessoa com Deficiência em Araxá

A 13ª Semana da Pessoa com Deficiência, de Araxá, faz parte das comemorações dos 28 anos de atuação da Fada

Teve início, na última quinta-feira, 23, em Araxá, as comemorações da 13ª Semana da Pessoa com Deficiência, com uma missa de abertura realizada na Igreja Matriz de São Domingos, e, na sexta, 24, foi realizada uma passeata pelas principais ruas e avenidas da cidade. A passeata promovida pela Associação de Assistência à Pessoa com Deficiência de Araxá (FADA) e Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) contou com a participação de diversas entidades e escolas do município.

A passeata começou com uma grande concentração na praça Dom Bosco e dali partiu para as ruas centrais da cidade. Por onde passava, chamava a atenção de todas as pessoas. Segundo a diretora da Fada, Maria da Conceição Aguiar Santos, Cota, o objetivo das comemorações é promover a igualdade social para as pessoas com deficiências e a conscientização das demais pessoas.

Ainda segundo ela, nesses 13 anos de comemoração, o evento já conseguiu muitas conquistas em prol da comunidade, mas o deficiente físico e o deficiente visual precisam de mais melhorias no que tange à acessibilidade, por exemplo, em locais públicos. “O que limita muito as pessoas com deficiência são as barreiras arquitetônicas, que são as barreiras físicas referentes ao meio urbano e aos edifícios. Isso limita e exclui ainda muito as pessoas com deficiência, pois elas não têm a independência e autonomia de ir e vir dos lugares públicos. Temos muita exclusão dos surdos, que, também, a maioria, 99% dos lugares, não está adaptada para ouvir, conversar e atender as pessoas surdas. Estamos em busca da convivência igualitária”, afirmou.

E se depender de Cota, a Semana da Pessoa com Deficiência deste ano vai continuar em busca da convivência igualitária. “Quando iniciamos essa semana, 13 anos atrás, não se falava em nada, não se conhecia a acessibilidade. As pessoas com deficiência eram vistas de uma maneira muito afastada da comunidade, muito de ‘coitadinho’ e tinha muito ‘paternalismo’. Hoje percebo que isso diminuiu muito. São 13 anos já trabalhados para que a gente possa melhorar a conscientização e as atitudes das pessoas da comunidade, dos Poderes Públicos quanto ao respeito dos direitos da pessoa com deficiência, e espero que a semana continue contribuindo para o desenvolvimento da sociedade com relação a esse tema”, abordou.

Segundo a cabeleireira Jaqueline dos Santos Pereira, que participou da passeata, o mais importante é a conscientização. “É muito importante mostrar para a população que as pessoas com deficiência podem ter uma vida normal e tranquila. Eles necessitam de cuidados, e isso pode ser feito com a ajuda de todos”, afirmou.

 Pessoas com qualquer tipo de deficiência possuem direitos e deveres, assim como qualquer cidadão. Estão entre os direitos das pessoas portadoras de necessidades especiais, o direito de ir e vir (acessibilidade), direito à educação de qualidade, direito à saúde, direito ao trabalho e também à moradia, conforme leis federais.

A programação se estende até o próximo domingo, dia 2 de setembro. A 13ª Semana da Pessoa com Deficiência de Araxá faz parte das comemorações dos 28 anos de atuação da Fada. Neste domingo, 26, foi realizado também o Dia V, com Ações Voluntárias, das 8h às 12h, na sede da Fada. E na sexta-feira, 31, haverá a abertura dos Jogos para Deficientes, no Ginásio do Colégio Dom Bosco, às 19h, e o tradicional Baile Amigos da Fada no sábado, 1º, no Girassol Clube de Campo.