Destaque »

Lídia Jordão faz palestra no 13º Encontro Mulheres com Direito

17 de maio de 2019 – 19:12 |

Lídia Jordão representou Minas Gerais, juntamente com mais nove mulheres da área do Direito, de outros estados do País. Ela foi convidada pela coordenação geral  do Encontro, através da Drª Fabiana Garcia. Para Jordão, …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Destaque

Parada Cívica de Sete de Setembro reune mais de 5 mil pessoas em Araxá

A avenida Getúlio Vargas, foi o palco para o desfile cívico de sete de setembro em Araxá. A parada cívica organizada pela Prefeitura de Araxá e parceiros teve início hoje por volta das oito horas da manhã  coma presença de várias autoridades municipais como o  prefeito Aracely de Paula, secretários (as), assessores e equipe do governo municipal, o deputado estadual Bosco, vereadores e membros da sociedade civil e organizada e mais de cinco mil populares que acompanharam de perto o cortejo cívico. A parada da independência do Brasil em Araxá, foi divivida em seis blocos, com o desfile de mais de setenta entidades, instituições e unidades de ensino das redes municipal, estadual e particular apresentando o verdadeiro significado do Dia da Independência do Brasil, comemorado em 7 de setembro com desfile cívico militares por todo o país. O desfile foi aberto oficialmente pelo prefeito de Araxá Aracely de Paula, com a apresentação das bandeiras do Brasil, de Araxá e de Minas Gerais e a execucação do hino nacional brasileiro. Em entrevista ao JORNAL INTERAÇÃO a  Secretária Municipal de Educação, Gessy Glória Lemos, afirmou que, “  o desfile foi muito diversificado. “Optamos mais por uma caminhada para a gente poder introduzir mais a família. Tivemos muitos pais presentes juntos com os filhos. Cada escola se organizou para participar do desfile sem a determinação de um tema. A parte da história da Independência do Brasil foi tratada dentro das unidades escolares. Estamos com grande participação das  instituições de Araxá” .  Já o prefeito Aracely de Paula consideriou a parada cívica, “ como um momento de entusiasmo e superação, haja vista a atual crise econômica vivida pelo Brasil. “Espero que os males sofridos nesses últimos anos tenham nesse dia 7 de setembro o patamar de arrancada para o futuro.” A festa maior da democracia brasileira em Araxá foi encerrada com uma grande evolução do grupamento do Tiro de Guerra, 04 001 através de seus atiradores.