Destaque »

CIMTB: Avancini vence pela 5ª vez em Araxá

20 de Abril de 2018 – 1:49 |

Henrique Avancini e Chloe Woodruff  foram os mais rápidos na somatória de tempo. Decisão aconteceu na tarde de domingo (15).
Com a mão aberta em alusão as 5 vitórias Avancini soltou o grito de vitoria com muita …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Meio Ambiente

Governo de Minas busca parceiros para projeto de recuperação ambiental em todo o Estado

O governador Fernando Pimentel recebeu no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, ambientalistas, representantes de entidades ligadas ao meio ambiente e secretários de Estado para apresentar o projeto Plantando o Futuro e buscar novos parceiros para a iniciativa. O plano, proposto pelo Governo e iniciado em março deste ano, é coordenado pela Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig) e tem como meta o plantio de 30 milhões de mudas de árvores de diversas espécies em cerca de 20 mil hectares. A ação compreende a recuperação de 40 mil nascentes, 6 mil hectares de matas ciliares e 2 mil hectares de áreas degradadas em todos os 17 Territórios de Desenvolvimento de Minas Gerais até dezembro 2018. Desde o início da execução do projeto, já foram plantadas seis milhões de mudas, o que corresponde a 20% da meta total. Fernando Pimentel destacou, durante o encontro, a ousadia do projeto, fruto de iniciativa lançada em 2008 pela Prefeitura de Belo Horizonte, quando o governador era o prefeito da capital mineira. Na época, Pimentel criou o programa Uma Árvore, Uma Vida, que previa o plantio de uma muda de árvore para cada criança que nascesse na cidade. “Nós estamos, agora, apontando um outro caminho, o do desenvolvimento. Não é só plantar a árvore – o que já seria muito se fosse somente isso. É criar toda a consciência. Nós estamos plantando nas nascentes, nas matas ciliares, nas áreas de recarga hidrológica. Então, integrar isso tudo cria empregos, cria renda, cria desenvolvimento, cria condições para o Estado avançar no futuro”, destacou. Pimentel ressaltou o otimismo do Estado em cumprir a meta, apesar de todas as dificuldades orçamentárias. “Eu acho que nós vamos conseguir, vai dar certo. Vamos avançar, apesar da crise institucional que estamos vivendo. Nós estamos otimistas e acreditamos que, com o apoio da sociedade civil, a gente sai dessa crise e segue em frente, que é o que nos interessa, interessa ao povo brasileiro”, disse.