Destaque »

Malvinas e Villa Nova saem na frente na semifinal do Amador

19 de novembro de 2019 – 11:34 |

Começaram no último domingo, dia 17 de novembro de 2019,  no estádio Fausto Alvim, as semifinais do Campeonato Amador de Araxá, versão 2019, promovido pela Liga Araxaense de Desportos. Na primeira partida da manhã …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Diversos

Arquiteto Gustavo Penna visita obras do centro de Araxá

No último dia 31, o arquiteto Gustavo Penna, autor do projeto de reurbanização do centro de Araxá esteve na cidade visitando as obras. Ele estava acompanhado de membros de sua equipe e do secretário Francisco Antonello. Gustavo Penna veio passar o final de ano na cidade, em sua casa localizada no Barreiro, e aproveitou para ver seu projeto sair do papel. “Essa é uma obra para a cultura; uma obra que homenageia a avenida central, fazendo a ligação entre as partes históricas. As árvores fazem um alinhamento entre a torre da igreja e o Cristo, e nós também homenageamos a água de Araxá, que é o que transforma Araxá numa das cidades mais conhecidas do mundo. E o teatro é o que cultua as artes dessa terra, consagra um espaço no centro da cidade à arte e à cultura e o mais importante de tudo que é o convívio, e a área verde que será três vezes maior que a anterior”, destacou Gustavo.
Desde o início das obras, toda a movimentação vem sendo acompanhada pelo prefeito Jeová, e pelos secretários, João Bosco Borges e Francisco Antonello. Jeová e os secretários têm realizado reuniões semanais com suas equipes, com o objetivo de agilizar as obras e concluí-las o mais breve possível. “Essa obra, com certeza, será o orgulho de todos nós, araxaenses, porque é uma obra que vai fortalecer o eixo turístico da nossa cidade, vai valorizar nossa cidade e trazer para nós a diferença entre todas as cidades importantes de Minas Gerais e de todo o Brasil. Vai ter uma rede elétrica subterrânea, uma arquitetura contemporânea do arquiteto Gustavo Penna, que é um ícone dentro da arquitetura brasileira, e ele está direcionando todo o seu entendimento e sua capacidade criativa aqui nessa obra. Ainda faltam muitos detalhes finais da obra. O corpo da obra já está pronto e agora nós estamos acertando os detalhes em termos da arborização, a harmonia com a reforma da matriz”, concluiu Jeová.