Destaque »

Zema e ministros anunciam R$ 250 milhões para investimento em turismo e saneamento básico em Minas

10 de julho de 2020 – 17:36 |

Em uma agenda surpresa, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, e o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, concederam entrevista coletiva à distância na segunda-feira junto com o governador de Minas, Romeu Zema (Novo). …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +

Sempre Um Papo: Cientista e ambientalista Marcelo Gleiser lança livro em Araxá e fala da luta pelo meio ambiente

82d6fec037ae49ff925492eb26ea7164

A última edição do ‘Sempre Um Papo’ de 2016 em Araxá, foi especial e  trouxe à cidade um convidado que lançou seu último livro e deixou no ar durante sua palestra um alerta importante sobre a necessidade da conscientização do ser humano em cuidar e proteger o meio ambiente. O JORNAL INTERAÇÃO acompanhou o evento realizado na noite da última sexta-feira, dia 28 de outubro de 2016 no Ginásio de Esportes do Uniaraxá e conversou com exclusividade com o professor, cientista, ambientalista, pescador e escritor carioca Marcelo Gleiser de 57 anos.  Gleiser é cientista de renome mundial e professor titular de filosofia natural e de física e astronomia na Dartmouth College. É autor, entre outros livros, de “A Ilha do Conhecimento”, “Criação Imperfeita”, “A Dança do Universo” E “O Fim da Terra e do Céu”, os dois últimos vencedores do Prêmio Jabuti. Foi articulista da Folha de S. Paulo e participa frequentemente de documentários para a TV no Brasil e no exterior. Com mais de 13 obras literárias lançadas, o escritor fez questão de brindar o público de Araxá com o lançamento do mais recente livro  da carreira, intitulado;  “A Simples Beleza do Inesperado” (Record). Segundo ele, “ se trata de um livro um pouco diferente dos outros. Ele tem uma estrutura meio ficcional, onde eu tento passar para os leitores uma técnica de pesca diferente que eu aprendi e que se chama ‘ fly’,  que é pouca utilizada no Brasil, é difícil de praticar e necessita de muita calma, paciência e humildade para se aprender e praticar. E mesmo com alguma experiência sobre pesca eu tive que começar do zero e fui evoluindo com o ofício e me aproximando cada vez mais da natureza de forma consciente.”  Ele revela ainda que,” Esse é um processo que visa o aprendizado e a conscientização de forma racional do ser humano em relação ao planeta nesse momento t]ao importante e preocupante que estamos vivendo.” Por mais de uma hora Marcelo contou experiências de vida, falou sobre a luta em defesa do meio ambiente, comentou sobre os temas abordados em seus livros e disse que, “ essa paixão e luta em defesa do meio ambiente e em prol da conexão plena e harmônica entre o homem e a natureza começou quando eu ainda era criança aos 11 anos pescando solitário na praia de Copacabana no Rio de Janeiro”. Gleiser afirmou também que, “ essa preocupação e interação minha com o meio ambiente e seus problemas são muito intensos. É um assunto que com o tempo vem amadurecendo, crescendo e ficando mais difícil de proteger, controlar  e preservar no aspecto global.” Após debater e interagir com uma platéia seleta formada por professores, alunos do Uniaraxá, ambientalistas e técnicos no assunto, Marcelo finalizou dizendo que, “ um dos meus principais objetivos na vida é aumentar o nível de conscientização das pessoas.  Quero semear, plantar a semente do bem, priorizar as boas práticas de preservação ambiental e de sustentabilidade de forma bem racional. Na verdade o mais importante é a gente tentar deixar um mundo melhor daquele que nós encontramos.”

img_0025 img_0034 img_0031 img_0047