Destaque »

Polícia investiga ataques a veículos em Araxá e ligação com facção criminosa

7 de junho de 2018 – 23:11 |

Ainda se recuperando dos transtornos causados pela paralisação dos caminhoneiros nos últimos dias, a população de Araxá, foi pega de surpresa na noite do último domingo, dia 03 de junho de 2018, com ataques …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Meio Ambiente

Capacitação amplia mercado para catadores de materiais recicláveis em MG

170216A partir de junho, os catadores de materiais reutilizáveis e recicláveis poderão colher os frutos como formandos do curso “Agentes de Gestão de Resíduos Sólidos” e contribuir para o fomento da economia solidária e a preservação do meio ambiente. Para tanto, eles estão aprendendo, neste momento, novas técnicas de manejo do lixo e processos de reciclagem no Centro Mineiro de Referência em Resíduos (CMRR), em formação viabilizada em parceria com a Fundação de Educação para o Trabalho de Minas Gerais (Utramig). O curso foi preparado a partir das demandas dos catadores e sindicatos de resíduos sólidos. “O objetivo da Utramig é proporcionar o aprimoramento e refinamento da atividade de catador, além de transformá-lo em multiplicador de conhecimento no ambiente de trabalho e na comunidade que reside”, afirma a diretora de Qualificação e Extensão da Utramig, Vera Victer Ananias. A primeira turma, com 21 alunos, prepara-se para atender grandes empresas, órgãos de governo e grandes eventos promovidos pela iniciativa privada ou pelo poder público.  “O intuito do curso é trabalhar a gestão do resíduo sólido, desde a coleta do material, até chegar à destinação para reutilização”, explica a professora do Centro Mineiro de Referência em Resíduos, Aline Veloso.  Além disso, os alunos participam de oficinas, aulas práticas e visitas técnicas aos locais que produzem grande quantidade de lixo. A formação para Agentes de Gestão de Resíduos Sólidos é financiada pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), do Governo Federal, em parceria com o Governo de Minas Gerais.  O curso é gerido pela Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social (Sedese). Por enquanto, as aulas acontecem somente na capital. O curso possui carga horária de 240h. As aulas acontecem às sextas-feiras, das 8h às 17h. Os participantes recebem auxilio transporte e alimentação durante todo o dia. A formatura está prevista para ocorrer em junho deste ano.“Podemos ampliar para outras cidades, se houver procura”, afirma a diretora de Qualificação e Extensão da Utramig, Vera Victer. “Os catadores que moram em outras cidades podem se unir com os sindicatos da categoria e solicitar o curso nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS)”, orienta.A demanda pela capacitação, então, é encaminhada e avaliada pelo MEC, que autoriza a abertura no município.  Para participar do curso, o interessado deve procurar alguma entidade ou associação ligada ao reaproveitamento de resíduos no seu município e solicitar a implantação da modalidade de curso desejada. A associação, por sua vez, deve enviar a solicitação do curso ao Ministério do Meio Ambiente (MMA). Em Minas Gerais, 145 associações e cooperativas de catadores e trabalhadores com materiais recicláveis estão cadastradas na Bolsa Reciclagem. Instituída em 2011, por meio da Lei Estadual nº 19.823, a Bolsa Reciclagem concede incentivo financeiro às cooperativas e associações de catadores de materiais recicláveis pela contraprestação de serviços ambientais. Durante a construção de propostas ao Plano Plurianual de Ação Governamental (PPAG) 2016-2019, o Governo de Minas Gerais propôs, inclusive, a ampliação gradativa dos recursos reservados para aplicação no programa.