Destaque »

Prefeitura anuncia compra de aparelhos de mamografia, raio-x e tomografia

20 de novembro de 2019 – 19:36 |

A Administração Municipal investe pesado na área de saúde, um dos segmentos que mais têm recebido recursos na gestão do prefeito Aracely de Paula. Foram R$ 38 milhões, este ano, 19,3% do orçamento, enquanto a …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Turismo

David Rosa, de Portugal, e Maja Wloszczowska, da Polônia, vencem o Cross Country Olímpico da CIMTB Levorin em Araxá.

Portugues Davi Rosa

Portugues Davi Rosa

Depois de vencer a prova contrarrelógio (XCT) na sexta-feira, e a prova Short Track (XCC) no sábado, Henrique Avancini chegou para a prova Cross Country Olímpicos (XCO) deste domingo como favorito, juntamente com a atleta da Polônia, Maja, que também vencera as provas anteriores. A chuva que esteve presente nos dias anteriores não apareceu, e o sol forte manteve o clima quente durante todo o dia. O complexo do Barreiro recebeu um excelente público que aproveitou o domingo ensolarado para conferir de perto a emoção da última prova da Copa Internacional Levorin de Mountain Bike (CIMTB).

Emoção não faltou para as duas categorias. Na masculina, Frederico Nascimento conseguiu fazer uma grande largada, assumindo a ponta com Avancini em segundo, Lukas Kaufmann em terceiro, com o Português David Rosa saindo na 10ª colocação. Antes do término da primeira volta, Frederico sofreu uma queda e foi ultrapassado por quase todo o pelotão. Em seguida, Avancini teve um pneu furado que lhe custou sair dos top 20, abrindo espaço para o Lusitano David assumir a ponta e desgarrar do pelotão. Após a troca do pneu furado, Avancini começou uma corrida de recuperação, levando ao delírio o grande público presente no “descidão Dona Beja”, quando apareceu, em segundo lugar, bem próximo ao ponteiro David. A disputa foi incrível, Avancini chegou à liderança, mas o desgaste e o ritmo forte que David impôs na prova fez com que Avancini utilizasse da vantagem de pontos conseguidos nas provas de sábado e domingo, permitindo que o português abrisse uma vantagem de 34 segundos sobre o brasileiro Avancini, que conquistou o segundo lugar na XCO, mas ganhou na classificação geral no acumulado dos três dias de competição.

“O sol quente dificultou muito para mim. Ainda não estou acostumado com temperaturas muito altas. Essa era a etapa-mãe, que se encaixava melhor nas minhas características. O Henrique já tinha uma vantagem muito grande, uma vantagem de um minuto e quinze, e eu sabia que era complicado vencer a prova na classificação geral. Portanto cabia a mim fazer a melhor parte da corrida. Estou muito feliz de ganhar esta prova!”, afirmou o português David Rosa.

No feminino, a polaca Maja foi soberana, conquistou a vitória no XCO e o lugar mais alto no pódio também na classificação geral. “XCO é sempre difícil, por conta da distância, do percurso, do calor e, principalmente, por conta dos adversários. Daniela estava muito forte, a gente ficou correndo próximo por duas voltas, mas, a partir da terceira, eu decidi aumentar o ritmo, abrindo uma distância, segui, estou feliz porque eu consegui”, declarou.

Cross Coutry Olimpico

1º 2, David Joao Serralheiro –  PORTUGAL

2º 1, Henrique Avancini – CANNONDALE FACTORY RACING

3º 15, Sherman- CALOI ELITE TEAM

4º  4,  Catriel Andrés ARGENTINA

5º 9, Lukas – ORTHOCRIN CANNONDALE LEFTY TEAM

6º 7, PSCHEIDT, Ricardo Alexandre TREK BRASIL RACING

7º 22, GROSSI, Daniel GROOVE / CHAOYANG/ SHIMANO / ASW.

8º 3, LAMI, Michal ESLOVAQUIA

9º 17, GOTARDELO MULLER, Guilherme LM / SENSE DE MTB

10º  103, ULLOA, Jose Gerardo* MEXICO

Categoria FemininaDSC_0565

1º lugar – 201 – Maja Wloszczowska

2º lugar – 203 – Daniela Campuzano Chavez Peon

3º lugar – 202 – Raiza Goulão Henrique

4º lugar – 206 – Jovana Crnogorac

5º lugar – 208 – Agustina Maria Apaza

6º lugar – 212 – Mary Mcconneloug

7º lugar – 204 –  Isabella Moreira Lacerda

8º lugar – 215 – Evelyn Muñoz Jaramillo

9º lugar – 207 – Nathalie Schneitter

10º lugar – 209 – Erika Gramiscelli