Destaque »

FestNatal dará visibilidade a campanhas solidárias neste fim de ano

20 de novembro de 2018 – 11:36 |

Empresas, instituições e pessoas que queiram realizar campanhas solidárias neste fim de ano poderão contar com o suporte do FestNatal 2018 em suas ações. Uma das propostas desta edição do evento é que ele congregue …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Diversos

Márcio Contato

Marcio ContatoDepois das festas de fim de ano, volte aos treinos sem estresse!

Parar de treinar por 15 dias provoca efeitos sobre o condicionamento, mas o recomeço tem que ser gradual no volume e intensidade da atividade física.

Por Márcio Contato – Preparador Físico – CREF6MG – 7669P

Fim de festa e para muitos, fim de férias. Aí, caímos na real dos nossos treinos, corridas e outros exercícios suspensos ou que não puderam ser mantidos pelas condições próprias das festas de fim de ano. E para piorar a situação, ganhamos um pouco de peso “sem querer”! Esse é o retrato, sem retoques, do resultado das festas e das férias para muita gente. Afinal, se somos esportistas juramentados e não queremos ser ou parecer sedentários e pior, obesos, quando e como recomeçar?

Vamos lá e sem estresse. Uma parada das atividades físicas regulares, a partir de 15 dias já produz seus efeitos de perda daquele condicionamento físico, tão duramente conseguido. Em atletas profissionais isso sempre foi bem registrado, e nos exames de controle cardiológicos as adaptações que habitualmente ocorrem, como a bradicardia (pulsação abaixo de 60/minuto) vão desaparecendo e logo chega a 70 ou mais, em repouso. Tanto no teste ergométrico simples como no ergoespirométrico (cardiopulmonar) a capacidade física e o consumo de oxigênio estarão menores que na da época do treinamento.

Nada disso deve nos preocupar, várias pesquisas científicas pelo mundo todo principalmente nos Estados Unidos, Escandinávia e Inglaterra que analisaram efeitos dos exercícios físicos (mais especificamente da corrida de rua) para a saúde a longo prazo, concluíram que essa parada pouca diferença fará no futuro, se voltarmos a treinar com regularidade e continuidade!

O recomeço após 15 dias de parada, na verdade, tem que ser um novo começo a partir do degrau inicial e gradualmente intensificar o volume e intensidade dos treinos. Uma sugestão interessante é a de cada semana aumentar em 8% o que já se esta conseguindo fazer ou seja o tempo de exercício. Se não conseguir, mantenha o patamar que vem treinando e assim por diante. Caso tenha personal ou assessoria esportiva, estabeleça com eles uma planilha detalhada.

Essas recomendações são sempre seguidas pelos profissionais, após lesões e início de temporadas. O resumo é: parou, tem que recomeçar do zero, e não de onde parou! Respeitar o corpo é a ordem, pois o resultado poderá ser um problema médico inesperado.

Pense, reflita e “pau na máquina”! Exercício físico é saúde quando feito com qualidade. Lembre que a corrida de rua é a preferência de milhões no mundo.

PS: não utilize energético ou similar para acelerar o treinamento, achando que vai recuperar a forma física mais rapidamente.

Bons Treinos!