Destaque »

Ganso empata com Patrocinense e garante vaga na semifinal da Segundona

14 de outubro de 2018 – 0:07 |

Terminou agora a pouco, ( sábado,dia 13 de outubro de 2018), a partida entre Patrocinense e Araxá Esporte, no estádio Júlio Aguiar, na cidade de Patrocínio, pela última rodada da fase de classificação do Campeonato …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +, Esporte

Guarani derruba o invicto Ipiranga e vence 3° jogo consecutivo no Amadorão

A vitória de 2 a 0 para cima do Ipiranga significou, para comissão técnica e jogadores, a confirmação da boa fase do Guarani, que não perde desde a 3ª rodada.

A quarta rodada do Campeonato Amador, realizada neste domingo, 24, promoveu mudanças tanto no topo quanto no rodapé da tabela. A reportagem do Jornal Interação acompanhou a partida que o Guarani venceu a equipe do Ipiranga, por 2 a 0,   mantendo- se no G8 do Amadorão, com 9 pontos, em oitavo lugar. O resultado desse jogo fez com que o Ipiranga perdesse a vice-liderança e caísse para a 6ª colocação, com 10 pontos.

O time do treinador Cristiano Macaquinho foi surpreendido aos cinco minutos pelo Guarani. Eduardinho desceu pela direita e fez o cruzamento. A bola, que veio cheia de curva, trouxe dificuldades ao goleiro Rony, que a espalmou. No rebote, o atacante Rafael mandou para o fundo das redes.

A partir desse gol, Ipiranga começou a fazer grande pressão em cima do Guarani para obter o empate, mas oportunidades não eram bem concretizadas por todo o sistema ofensivo. Aos oito minutos, a primeira chegada perigosa do Ipiranga foi com Somália, que recebeu cruzamento pelo lado direito e tocou de frente para o goleiro Xaneco, saindo pela linha de fundo.

Nas investidas do Ipiranga para o ataque, a equipe deixou espaços  para o Guarani contra-atacar, assim como fez aos 14 minutos. Em toques rápidos entre João Paulo e Eduardinho, Guarani chegou na entrada da área com a finalização do lance em chute de Eduardinho, para defesa de Rony. Aos 39 minutos, Wilton Gaega reaproveitou o lance que começou em cruzamento desferido pelo lado direito e fez chute cruzado para a área. O lateral-direito Eduardinho apareceu bem e cortou para a linha de fundo.

Dois minutos depois, Ipiranga perdeu mais uma chance de empate. Quincas cobrou escanteio pela esquerda, a bola passou por toda a área e caiu no pé direito de Carlão, que, de frente para o gol, isolou a bola. E na bola parada, Ipiranga assustou Guarani pela última vez no primeiro tempo. Em escanteio batido na segunda trave, o atacante Marco Antônio finalizou, de primeira, na cara do gol para a linha de fundo.

A pressão do Ipiranga em busca do empate continuou na segunda etapa, mas lances continuavam sendo desperdiçados. Aos quatro minutos, Aloanos bateu escanteio pela direita e Quincas desviou, de cabeça, na primeira trave. A bola já tinha passado pelo goleiro Xaneco, e Eduardinho, de cabeça, salvou em cima da linha.

Aos 25 minutos, o zagueiro Carlão bateu colocado falta que passou com perigo na trave esquerda de Xaneco. Já o Guarani respondeu aos 27 minutos com Joãozinho. Após escanteio batido pela direita, o zagueiro cabeceou e o goleiro Rony foi buscar no ângulo esquerdo, fazendo grande defesa.

Com os espaços deixados pelo Ipiranga, no contra-ataque, a equipe do Guarani definiu sua terceira vitória consecutiva aos 42 minutos. Ezequiel fez um grande passe entre os zagueiros e deixou Alex na cara do gol. O jogador se livrou da marcação e tocou na saída de Rony, fazendo 2 a 0.

No apito final do árbitro Marcílio Adriano, o resultado teve dois gostinhos diferentes. Pelo lado do Guarani, além da comemoração da vitória, a comissão técnica, juntamente com os jogadores, festejou a boa fase da equipe, que há duas rodadas está no grupo dos oito melhores do Amadorão. Já o Ipiranga, lamentou a derrota não somente por ser a primeira na competição, mas também por ter-lhe escapado a chance de ficar na liderança.

Artilharia

Fabrício Caceba, do Grei, 6 gols, Romarinho, do CIT, com 5 gols, Artur, do GEF, com 4 gols, Paulo Henrique, do CIT, Belchiorzinho e Bruno César, do GEF, com 3 gols, são os principais artilheiros do Campeonato Amador.

Ficha técnica:

Ipiranga: Rony; Ian (Diego Silvério), Carlão, Juninho e Everton Negão; Gustavo, Wilton Gaega (Tiago Souza), Somália e Quincas (Robert Tatisu); Aloanos (Renailton) e Marco Antônio (Lucas). Treinador: Cristiano Macaquinho.

Guarani: Xaneco; Eduardinho, Joãozinho, Katiano e Alex (Lucas); Carlinhos (Alexsander), Alexandre, Tiãozinho (Juninho) e Ezequiel; João Paulo (Arivaldo) e Rafael (Fabinho). Treinador: Márcio Leblanc.

Gol no primeiro tempo: Rafael, aos 5 minutos.

Gol no segundo tempo: Alex, aos 43 minutos.

Cartões amarelos: Ian (Ipiranga) / Alex (Guarani)

Árbitro: Marcílio Adriano

Assistentes: Ronaldo Vicente e Valter José

Mesária: Gisele Esther