Destaque »

Festival Saberes e Sabores oferecerá oficinas e degustações em Araxá

20 de julho de 2018 – 23:50 |

O festival Saberes e Sabores  vai levar para Araxá o melhor da culinária mineira. O evento reúne os restaurantes que são referências  na tradição entre os dias 20 e 22 de julho …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Esporte

Luis Octávio é vice-campeão brasileiro máster de Contra-relógio

Kenner Cristiano, outro araxaense que participou da competição, chegou em quinto lugar.

Mais de 380 ciclistas de vários estados do Brasil participaram do Campeonato Brasileiro Máster de Ciclismo de Estrada e Contra-Relógio que foi realizado em Brasília, entre os dias 16 e 17 de junho, pela Federação Metropolitana de Ciclismo (FMC) e EPZ Esportes com supervisão da Confederação Brasileira de Ciclismo.

A prova de contra relógio é uma modalidade do ciclismo que o atleta larga individualmente no intervalo de um minuto entre o seu oponente. Os competidores percorrem a uma distância de 10 quilômetros onde que o vencedor é determinado pelo que faz o percurso no menor tempo.

Nesta prova realizada no último sábado 16, Luis Octávio Cambraia se consagrou vice-campeão brasileiro de 2012 com o segundo melhor tempo da categoria [12:34.540] e Kenner Cristiano foi 5º melhor obtendo a marca de 12:41.874. Os dois participaram da prova com o apoio da Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM), Virgilius Palace Hotel e Personal Bike Fit.

O campeão da prova foi o atleta Bruno Augusto Silveira com o tempo de 12:18.323.

Prova de Resistência

No domingo, 17 de junho, foi realizada a prova de resistência em um percurso de 75 quilômetros em volta ao Lago Paranoá, um dos principais pontos turísticos de Brasília. Os trechos de subidas e descidas bastante seletivos deixaram a prova muito concorrida, proporcionando momentos emocionantes durante a decisão do título brasileiro. A prova de resistência ou ciclismo de estrada é quando o ciclista deve completar o percurso dentro do tempo limite estabelecido.

Na Máster A1, Luis Octávio teve seu pneu furado faltando 3 km para o final ao passar por um trecho onde haviam pedaços de vidro espalhados pela pista. Já Kenner Cristiano estava na primeira colocação até os últimos 800 metros da prova quando foi ultrapassado pelo pelotão que havia ficado compactado aguardando os momentos finais e terminou na 24ª colocação. O campeão foi o paulista Erik Rogério com o tempo de 1h53min.

O próximo desafio dos araxaenses é nesse fim de semana, dias 23 e 24, na Copa Internacional de Mountain Bike na cidade de Divinópolis.