Destaque »

Lídia Jordão faz palestra no 13º Encontro Mulheres com Direito

17 de maio de 2019 – 19:12 |

Lídia Jordão representou Minas Gerais, juntamente com mais nove mulheres da área do Direito, de outros estados do País. Ela foi convidada pela coordenação geral  do Encontro, através da Drª Fabiana Garcia. Para Jordão, …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » +

‘Operação Xeque-Mate’: justiça libera vereador e prende ex-prefeito

Polícia Civil em ação

Os desdobramentos do caso envolvendo as investigações da Polícia Civil de Araxá a respeito do inquérito policial aberto para apurar crimes de peculatos na gestão do ex-prefeito de Araxá Jeová Moreira da Costa e do vereador do PR e ex- Secretário Municipal de Desenvolvimento Urbano, João Bosco Borges, culminaram com a liberação do engenheiro João Bosco após acareação e delação dele no final da semana passada. No entanto, a justiça pediu a prisão temporária do médico Jeová na noite da última terça-feira, dia 06 de outubro de 2015. A medida segundo a Polícia Civil se deu por que na acareação entre Dr. Jeová e João Bosco Borges, o vereador e ex-secretário municipal teria confessado que o ex-prefeito sabia que o trator da prefeitura estava sendo desviado para serviços na fazenda dele, que tinha sido arrendada para João Bosco no ano de 2012. O depoimento do outro ex- secretário de obras de Dr. Jeová, Walter Francisco, também teria sido decisivo para que a PC pedisse a prisão do ex-prefeito. O delegado responsável pelo caso, informou ainda que Walter Francisco, teria confirmado que o trator que estava na Fazenda da Epamig foi transferido para a fazenda de propriedade do médico Jeová. Dr. Jeová foi ouvido novamente pela Polícia Civil na tarde de ontem (quinta-feira). O advogado do ex-prefeito, Dr. Omar Santos Tahan, disse à imprensa que, “ considero a prisão temporária do Dr. Jeová sem sentido e desnecessária”. Depois da prisão temporária do médico e ex-prefeito de Araxá Jeová Moreira da Costa, o Delegado Regional da Polícia Civil de Araxá, Dr. César Felipe Colombari da Silva, pediu por meio da imprensa que qualquer cidadão que possa ter provas de ações irregulares( ilícitas) que tenham sido cometidas na administração do ex- prefeito Jeová Moreira da Costa, que façam as denúncias anônimas na delegacia de polícia local. Até o fechamento desta edição, o médico e ex-prefeito de Araxá Dr. Jeová Moreira da Costa, ainda estava preso temporariamente no Presídio local.