Destaque »

Francelino Cardoso Júnior: Levando a vida contando boas histórias

21 de setembro de 2018 – 16:59 |

No final da semana que passou ( sexta-feira, dia 14 de setembro),  os pequenos alunos da Escola Municipal Alice Moura de Araxá, foram presenteadas com a visita do …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Destaque

20° Encontro Nacional de Automóveis Antigos em Araxá

Durante os quatro dias de evento, a história do antigomobilismo foi contada por meio de exposição de raridades apresentadas ao público da região.

A cidade de Araxá teve um feriado de Corpus Christi especial com a realização do 20° Encontro Nacional de Automóveis Antigos [Brazil Classics Fiat Show 2012] entre os dias 6 e 9 deste mês. Raridades como o Benz Patent Motowagem, carro fabricado em 1886 primeiro veículo patenteado e movido a gasolina do mundo, foram atrações para mais de 30 mil pessoas que assistiram esses carros expostos no pátio do Tauá Grande Hotel. O objetivo é de incentivar o conhecimento e o agregamento de informações sobre o antigomobilismo brasileiro entre os colecionadores de todo o país em evento organizado pelo Veteran Car Club – MG e patrocinado pela Fiat Automóveis.

“É uma grande honra para a Fiat ser patrocinadora deste evento. Estamos contribuindo para qualificar este encontro como o mais importante do antigomobilismo no Brasil”, enfatizou o presidente da Fiat Automóveis América Latina, Cledorvino Belini, durante a abertura da exposição.

O presidente do Veteran Car Club – MG, Otávio Pinto de Carvalho, que fez a abertura do evento na última quinta-feira, 7, colocou que o encontro foi uma grande oportunidade  para as pessoas admirarem automóveis que raramente saem de suas garagens. “Ao longo de todas as edições, o Brazil Classics se destaca pelas raridades apresentadas, pela importância histórica dos veículos expostos, e pela preocupação por parte de todos os envolvidos em proporcionar um momento de entretenimento aos amantes do antigomobilismo e para o público em geral”, disse o presidente do Veteran Car Club – MG, Otávio Pinto de Carvalho.

O 20° Encontro Nacional de Automóveis Antigos contou com a presença do governador Antônio Augusto Anastasia que, em seu discurso para os presentes na abertura oficial do evento, revelou a sua admiração com os adeptos ao antigomobilismo. “Fiquei encantado primeiramente com o carinho dados pelos colecionadores na restauração de seus automóveis que formam uma verdadeira cadeia de produção e riqueza, segundo por oferecer a sociedade uma verdadeira aula a nível de história ao remontar automóveis que são do passado que nos trazem lembrança de tempos que foram para trás, mas que são importantes para conhecê-los e entendermos o presente e planejando o futuro”, comentou o governador.

Segundo Boris Feldman, jornalista que também faz parte da organização, além do charme e do glamour dos carros antigos, o brasileiro já é um apaixonado pelo automóvel. “Os carros do passado têm personalidade e característica própria. Quando passa três carros nas ruas, você não sabe se é Ford, Chevrolet, Fiat, Hyundai. Já os carros antigos não. A cada dois anos que passa vai ficando mais charmoso e mais significativo. Pura nostalgia na Terra de Beja”, ressaltou o jornalista.

Raridades do antigomobilismo

Um dos grandes destaques da 20ª edição foi o Benz Patent Motowagen 1886, réplica do primeiro carro patenteado do mundo.  A história deste carro se confunde com a do automóvel. Construído em janeiro de 1886 por Karl Friedrich Benz, foi o primeiro carro patenteado do mundo. Com três rodas, dois lugares e sem volante, o Benz Patent Motorwagen parecia uma carruagem sem cavalos. “Mas tinha motor traseiro como combustão interna e gasolina. É um carro com muita história para contar. O primeiro modelo deste carro não tinha carburador. Contava com uma bacia de fibras embebidas no combustível, que alimentava o cilindro por evaporação. O carro tinha 0,75 cavalos de potência e atingia 16 km/h”, contou o mecânico do Benz, Hilton Ferreira da Silva, mais conhecido como Lingüiça, que falou em nome do proprietário que não prefere dar entrevistas sobre esta relíquia.

O médico Navante Alves, saiu da cidade de São Paulo, para participar do encontro expondo o seu Willys Capeta 1965. “O carro antigo faz parte do coração da gente. Quando você restaura um carro da década de 1940 e 1950, ou antes disso, e transforma em novo, dar uma sensação muito boa. O encontro é uma oportunidade única de se fazer novas amizades e renovar conhecimentos”, salientou o médico.

De acordo com dados da organização do evento, mais de 300 raridades do antigomobilismo nacional estiveram expostas em Araxá. Confira outros destaques:

Rolls Royce Silver Ghost Springfield 1923 – O grande destaque da premiação 2012 do Brazil Classics Fiat Show foi um modelo Rolls Royce Silver Ghost Springfield 1923. Conta a história que o cobiçado automóvel foi adquirido de segunda mão da família Dupont, logo após a II Guerra, por um barão do cacau da Bahia. O modelo é considerado um dos carros mais importantes do Brasil.

 Exposição Porsche – A edição 2012 do Brazil Classics organizou uma exposição de dez Porsches O encontro dessas máquinas foi em homenagem a Ferdinand Alexander (Butzi) Porsche, o projetor do mais cobiçado veículo esportivo, o Porsche 911, lembrado até hoje como um dos carros de competição de maior sucesso.

 Rolls Phanton – Estiveram expostos no pátio do Grande Hotel, para fascínio geral do público, dois Rolls Royce Phantom V, um dos modelos mais cobiçados pela alta classe inglesa e com pouquíssimos exemplares pelo mundo.

 Le Zebre – O Le Zebre 1905 foi um dos carros que atraiu a curiosidade de todos durante o Brazil Classics. Com um design muito original, um dos motivos para o interesse é que o modelo exposto pertencia à família do pai da aviação, Santos Dumont.

 Aston DB 2 – Exemplar único no Brasil, o Aston DB 2 chama a atenção devido ao seu design luxuoso e sua relação com o poder.

 Premiações

 A solenidade de premiação, ocorrida na noite de sábado (09/06/12), foi outro grande momento do evento. O desfile contou com a presença de 63 raridades premiadas, comprovando o charme do Brazil Classics Fiat Show.

Um dos principais antigomobilista do país, Sr Og Pozzoli recebeu uma grande homenagem durante a noite de premiação devido à sua paixão por carros antigos. Na passarela de premiações o público se encantou com o desfile de dez Porsches, em uma emocionante homenagem ao seu criador, o engenheiro Ferdinand Alexander (Butzi) Porsche.

 Nesta edição houve várias premiações especiais:

 O Brasinca 4200 GT 1965, de propriedade de Otávio Pinto de Carvalho, recebeu o troféu de melhor esportivo nacional.

Troféu Lalique – O Troféu Lalique é transitório e é dado a uma personalidade que se destacou no trabalho de crescimento e reconhecimento do antigomobilismo. Na edição 2012 o antigomobilista premiado foi Nelson Rigotto Gouveia e sua charmosa coleção de Cadillacs.

 Troféu Roberto Lee – A premiação mais aguardada da noite, o Troféu Roberto Lee, que premia o automóvel mais raro e valioso da exposição, foi para a o Rolls Royce Silver Springfield 1923, do antigomobilista Rubio Fernal Ferreira.

 Leilão de Automóveis Antigos

 Único da categoria realizado no Brasil, o leilão do Brazil Classics Fiat Show, que começou na 15ª edição, aconteceu na noite de sexta-feira, reunindo mais de 1.000 pessoas entre colecionadores, compradores, admiradores e curiosos.

 Dos 105 automóveis leiloados, 56 foram arrematados, movimentando R$ 2 milhões e 130 mil reais. O automóvel com o lance mais alto foi uma Ferrari 365 GT Coupe 1970, vendido por R$ 400 mil. O mais baixo foi um Fusca VW 1969, arrematado por R$ 11 mil.

 A cada edição o leilão de automóveis antigos ganha mais prestígio e espaço. Para o organizador do leilão, Sérgio Valente, o Brazil Classics é um dos eventos mais importantes no mundo do antigomobilismo. “É competitivo com qualquer outro evento mundial devido à alta qualidade de suas marcas e modelos. E o leilão complementa essa qualidade e importância”, avalia.

 Passeio de Automóveis Antigos e Mercado das Pulgas

 O já tradicional passeio de automóveis antigos pelas ruas de Araxá organizado pelo Brazil Classics agitou a manhã de sexta-feira (08/06/12). Mais de 30 raridades saíram do pátio da exposição e fizeram um percurso grandioso pelas históricas ruas.

 Outro destaque foi o movimentado Mercado das Pulgas. No pátio do hotel foi montada uma grande estrutura onde os colecionadores puderam encontrar de tudo relacionado ao antigomobilismo: peças novas e usadas, acessórios e ornamentos para o carro antigo, além de literatura e miniaturas.

 Público

A expectativa de público era de 40 mil, incluindo expositores, apreciadores de antigomobilismo e visitantes. Entre esse grupo, estava o funcionário público de Araxá, Alonso José de Castro, que destacou da possibilidade do encontro estar proporcionando aos mais jovens de conhecerem “verdadeiras máquinas” que ainda fazem parte do imaginário popular. “É um encontro excelente para aqueles que estão participando e trazendo os seus veículos e principalmente para aquelas gerações que não conhecem a história daqueles carros podendo ver de perto”, pontuou.

A professora, de Poços de Caldas, MG, Daniela Rosa de Freitas, aproveitou o feriado de Corpus Christi, para passar com os seus amigos. Apesar de ter afirmado a reportagem que não conseguia as raridades expostas no encontro, a professora passou a ser grande admiradora dos colecionadores. “É um presente maravilhoso para Araxá e toda a região. Araxá está de parabéns por receber esse encontro e os colecionadores por darem exemplo de cuidado e zelo com os carros. Pena que é de dois em dois anos, mas espero que venha mais”, comentou a professora.

“Quero agradecer a recepção calorosa de Araxá com o encontro porque isso marca a todos nós da organização. É uma receptividade que nem faz a gente pensar sair de Araxá com um evento desse. Todos já estão convidados para a 21ª edição dos carros antigos”, finalizou Otávio.