Destaque »

Lídia Jordão faz palestra no 13º Encontro Mulheres com Direito

17 de maio de 2019 – 19:12 |

Lídia Jordão representou Minas Gerais, juntamente com mais nove mulheres da área do Direito, de outros estados do País. Ela foi convidada pela coordenação geral  do Encontro, através da Drª Fabiana Garcia. Para Jordão, …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Diversos

Na Casa do Povo: vereador do PDT, diz que não tem medo de ameaças e que vai investigar a aplicação do dinheiro público

????????????????????????????????????

Realizada na tarde da última terça-feira, dia 11 de agosto, mais uma reunião ordinária da Câmara Municipal de Araxá. Cinco parlamentares fizeram uso da tribuna. O primeiro foi o vereador do PTdoB Eustáquio Pereira, que solicitou reforma e limpeza na Escola Municipal Francisco Primo de Melo, no Bosque dos Ipês e também a correção do vazamento de água no asfalto da Rua Augusto Flávio da Silva, nº 87, Bairro Vila Estância. Logo depois o vereador Sargento Amilton do PTdoB, ocupou a tribuna apresentando uma indicação que solicita a compra de pistola de impulso elétrico, de menor potencial ofensivo, para conter a ação de pessoas que venham a agir contra o patrimônio público. Outra Indicação faz questionamentos sobre a estrutura organizacional da ASTRAN (Assessoria de Trânsito do Município de Araxá) e a qualificação dos seus agentes públicos que exercem as funções de fiscalização, coordenação e aplicação de multas. Em seguida quem ocupou a tribuna, foi o vereador Mauro do Detran, do PDT que falou sobre as investigações de irregularidades na aplicação de recursos destinados à Santa Casa. Mauro do Detran, afirmou que irá buscar informações sobre os repasses desde 2013, no início do seu mandato. Para ele, todos os vereadores devem ter esta preocupação. O parlamentar defendeu a prática da prestação de contas, não como um levante de suspeitas, mas como a maneira adequada da aferição de aplicação de dinheiro público. Mauro sugeriu a criação de um portal da transparência para entidades, contemplando a aplicação das verbas de iniciativa parlamentar, bem como as verbas oriundas do Poder Executivo. Com muita convicção, o parlamentar que é ex policial civil, disse que não vai se furtar a exercer com dignidade e legalidade seu mandato de parlamentar municipal e legítimo representante do povo na fiscalização, cobrança e investigações das ações do executivo e principalmente em relação a aplicação do dinheiro púbico, por parte das entidades locais. Mauro foi enfático a revelar que, “ eu não tenho medo de ameaças. Tenho um monte delas, como policial honesto e cumpridor de minas obrigações. Até ameaça do grupo criminoso ‘PCC’. Então não será qualquer intimidação que irá desviar e dar rumos ilegais à minha conduta de cidadão, responsável, pai de família e legítimo defensor e representante da população de Araxá.” Já o vereador José Domingos Vaz do PDT, iniciou seu pronunciamento cobrando responsabilidade de todos os vereadores em relação à investigações como no caso da Santa Casa de Araxá.. Para ele, é função da Polícia e Ministério Público é apurar a aplicação de recursos nas entidades beneficentes, cabendo aos vereadores apresentar projetos e trabalhar junto ao prefeito. O último parlamentar a fazer uso da tribuna foi o vereador Professor Cachoeira do PDT, que, abriu seu pronunciamento falando sobre seu projeto de redução e congelamento de salários dos vereadores. Ele afirmou que a causa atende aos anseios da população, panorama confirmado por uma enquete da Rádio Cidade. O parlamentar também convidou toda a população para o lançamento da nova UTI e Campanha em Prol da Santa Casa de Misericórdia de Araxá, nesta sexta-feira (14/08), às 10h. No final do Grande Expediente os vereadores analisaram e votaram os seguintes projetos de lei; 150/15: Autoriza o Poder Executivo, em decorrência de aprovação do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, a celebrar convênios com as entidades que especifica, e dá outras providências: APAE – R$ 175.000,00; FAMA – R$ 200.000,00; Centro de Formação Profissional Júlio Dário – R$ 200.000,00; CONSEP – R$ 199.999,17; FADA – R$ 200.000,00; Oratório Nossa Senhora Auxiliadora – R$ 137.593,00; Lar Santa Terezinha – R$ 200.000,00 e, Fundação Cultural de Araxá – R$ 197.584,00; 151/15: Dispõe sobre a Política Municipal de Turismo no âmbito do Município de Araxá, e dá outras providências; 153/15: Dispõe sobre denominação de Via Pública – Avenida Balbina Pereira Abdanur, a atual Avenida G, do Loteamento Jardim Europa 5; 155/15: Dispõe sobre denominação de Via Pública e dá outras providências – Rua Maria dos Anjos Cunha, a atual Rua I do Loteamento Residencial Parques das Mangabeiras IV; 156/15: Autoriza o Poder Executivo, em decorrências de emendas parlamentares, a celebrar convênios com as entidades que especifica, e dá outras providências – Grupo Esperança e Caridade – R$ 20.000,00; OSPA – R$ 10.000,00; SINDECAT – R$ 50.000,00; Associação Roldão Fontes – R$ 20.000,00; Ferrocarril Esporte Clube – R$ 10.000,00; Obras Alan Kardec Paz e Amor – R$ 20.000,00; Sindicato dos Trabalhadores de Movimentação de Mercadoria em Geral de Araxá – R$ 40.000,00; Palmeri Esporte Clube – R$ 10.000,00; CIT Futebol Clube – R$ 10.000,00; Clube da Cozinha Araxaense – R$ 10.000,00 – Emendas do Vereador Roberto do Sindicato; 157/15: Dispõe sobre parcelamento especial para quitação das dívidas e/ou débitos municipais e dá outras providências – Programa destinado a promover a regularização de créditos municipais, decorrentes de débitos de pessoas físicas e jurídicas, relativos à tributos de competência municipal, em razão de fatos geradores ocorridos no exercício anterior – Programa tem por objetivo dar ao cidadão a oportunidade de se manter em dia com suas obrigações tributárias as quais serão revestidas em obras para melhoria da cidade.