Destaque »

Em noite de autógrafos, Dr. Renato Zupo lança ‘Inteligência Prática’, em Araxá

14 de agosto de 2018 – 16:29 |

A noite do último dia 09 de agosto de 2018, foi especial e de lançamento do quarto livro do juiz-escrtior araxaense, Dr. Renato Zouain Zupo. O palco da prestigiada noite de …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Diversos

Presidente do PT de Araxá: “As manifestação são legítimas, mas não podem ameaçar a democracia”

Esta semana, a reportagem do JORNAL INTERAÇÃO, ouviu com exclusividade, a direção do Partido dos Trabalhadores de Araxá, a respeito do momento político atual e também sobre as manifestações populares que foram realizadas em várias partes do País, no último dia 15 de março. Além de analisar o movimento realizado em Araxá, o advogado Daniel Rosa, ainda comentou sobre crise econômica, corrupção e democracia. Para o presidente do PT, “as manifestações do último dia 15 março, mostraram acima de tudo que a democracia em nosso País, está sendo exercitada na plenitude, pois a democracia também legitima e agrega as manifestações populares de forma pacífica e ordeira.” Daniel Rosa, afirmou ainda, “que toda manifestação popular deve ser respeitada, ouvida e analisada, por parte dos agentes políticos e administrativos que estão sendo questionados. O Partido dos Trabalhadores, da presidente Dilma, teve origem e base nas manifestações de rua, com o povo e o trabalhador buscando o melhor para a coletividade.” Segundo ele, “ as medidas tomadas pelos agentes políticos têm que ter como base a vontade popular. Até porque, com o advento da democracia e com a Constituição de 1988, a nossas leis implicam no respeito a manifestação e a vontade popular, pois a decisão final vai certamente se refletir na vida do cidadão. Por isso é que toda manifestação dever ser respeitada e observada com uma certa cautela. No entanto, o que nos chamam muito a atenção, são algumas bandeiras levantadas nesta manifestação de 15 de março. A gente viu muitas bandeiras, faixas e cartazes com frases e pedidos para se acabar com a corrupção no País. A gente sabe que este sim é um tema importante e que deve sim ser exercitado em todas as camadas da sociedade com intensidade total e na minha opinião isso é o anseio da sociedade brasileira. Este é um fenômeno, que deve ser tratado dentro da sociedade com muito rigor e preocupação, porque a corrupção está presente em todos os seguimentos, seja numa ultrapassagem irregular no trânsito, num furo de sinaleiro, numa “cola” na escola, na informação alterada de dados da declaração do imposto de renda e assim por diante.  No nosso entendimento a corrupção deve ser refutada com toda veemência.” Daniel, revelou também, que as manifestações e discussões sobre o tema corrupção, são importantes, dentro da evolução democrática que ampara a constituição republicana. “ O Governo, sempre esteve aberto ao diálogo, disposto a ouvir os manifestantes e analisar seus anseios; tanto que a Presidenta Dilma,  vem ampliando as discussões sobre o tema e já lançou, 3 dias depois dos protestos, um pacote de medidas rígidas contra a corrupção no País. A gente entende que essas ações a respeito das denúncias, fiscalizações e investigações devem avançar para punição severa dos envolvidos. E na minha visão, o que está acontecendo em relação as medidas tomadas pelo Governo e suas conseqüências legais, já são um resultado muito salutar .” Mas o presidente do PT local, fez um alerta sobre o protesto. “ Me preocupou muito outras placas e cartazes empunhados por alguns manifestantes, pedido o impeachment da presidenta Dilma, pedindo a volta do regime militar,  ditadura e até golpe político. É fato, que as conquistas que  tivemos nas últimas três décadas para a consolidação do sistema democrático, não tem tamanho. E hoje o povo brasileiro, enquanto nação entende que não é hora de retroagir. Reconhecemos que se trata de um momento delicado na vida do Brasil, mas a indignação de algumas pessoas que levantam bandeiras de golpe e impeachment, não reflete de forma coletiva e democrática a vontade da maioria. Afinal,  a presidenta Dilma é a legitima representante da nação brasileira, escolhida democraticamente pelo voto de mais de 53 milhões de votos. E nos não podemos pelas vias legislativas ( 503 deputados federais e 83 senadores) anular a vontade da maioria da nação do nosso País.” Voltando a analisar o movimento realizado no último dia 15 de março no largo da Igreja Matriz de São Domingos em Araxá, o presidente  Daniel Rosa, os protestos e manifestações estão sendo ouvidos e analisados com sensibilidade por parte do Governo Federal. “ Historicamente sabemos que  Araxá, sempre foi  uma cidade  conservadora e é muito salutar, ver que o povo, empresários, trabalhadores e outras constituídas estão quebrando barreiras e se manifestando de forma legitima e pacífica em busca de seus anseios coletivos.” Para finalizar, o advogado Daniel Rosa, voltou a admitir que o momento do Brasil é delicado, mas alertou, que “as  manifestação são legítimas, mas não podem em hipótese alguma ameaçar a democracia do País.”