Destaque »

Presidente e novo Diretor Industrial da CBMM destacam importância do relacionamento com a cidade

9 de dezembro de 2017 – 11:59 |

Na noite da última terça-feira, dia 05 de dezembro de 2017, a direção da empresa CBMM, se reuniu com profissionais da imprensa araxaense num encontro tradicional de confraternização de fim de ano, no salão …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Educação

Araxá pode receber Universidade Federal

A unidade do Cefet Araxá cogita a possibilidade de se transformar em uma universidade federal.

O município de Araxá vislumbra uma excelente oportunidade: a de possuir

uma universidade federal em suas dependências. A possível instalação da

instituição na cidade faz parte do movimento do Centro Federal de Educação

Tecnológica de Minas Gerais (Cefet-MG) para sua transformação em

universidade. Junto com o Cefet-RJ, a tentativa é de seguir os passos do

Centro do Paraná, que, por lei federal, tornou-se uma Universidade

Tecnológica. Caso o movimente se transforme em realidade, as nove unidades

do estado serão beneficiadas, dentre elas, Araxá.

 

Presidente da Comissão de Educação, Ciência e Tecnologia da Assembleia

Legislativa, o deputado Bosco (PTdoB) registrou seu apoio ao movimento,

realizado junto ao Ministério da Educação (MEC). Ele disse que a mudança

para universidade traria benefícios inestimáveis às regiões do Alto

Paranaíba e do Triângulo Mineiro, sobretudo “na ampliação da oferta de

cursos e vagas ao estudantes, promovendo uma formação cada vez mais

consistente e continuada”.

 

Se concretizado, a nova Universidade Tecnológica oferecerá cursos

técnicos, de graduação e de pós-graduação – incluindo mestrados e

doutorados.

 

Histórico

 

O Cefet, fundado em 1978, é uma instituição federal vinculada ao MEC, que

se dedica ao ensino, à pesquisa e à extensão na área tecnológica e no

campo da pesquisa aplicada. Em Minas Gerais, possui nove unidades: Belo

Horizonte, Leopoldina, Araxá, Divinópolis, Timóteo, Varginha, Nepomuceno,

Curvelo e Contagem. Essas unidades oferecem, ao todo, 87 cursos técnicos,

15 cursos de graduação e 7 cursos de mestrado.