Destaque »

Prefeito de Araxá é contra chegada de funcionários da Mosaic na cidade na pandemia

22 de Maio de 2020 – 19:09 |

 

Em seu programa Bom Dia Prefeito desta sexta-feira (22), que é transmitido pelo Grupo Imbiara de Comunicação,  o prefeito de Araxá, Aracely de Paula, comentou sobre o assunto da semana em Araxá, a possível vinda …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Diversos

Jeep da Fiat usará plataforma do monovolume 500L

São Paulo, (AE) – Os flagras estão mais constantes e o mais recente ocorreu há uma semana, na Europa. Com base no exemplar camuflado e no Renegade, carro-conceito no qual deve se inspirar, preparamos uma projeção que mostra como será o novo modelo de entrada da Jeep, que será produzido em diversos países, entre eles o Brasil.

A estreia do veículo, que deverá ser batizado de Jeepster, está prevista para o início de março, durante o Salão de Genebra (Suíça). Já a fabricação na planta que a Fiat está erguendo em Goiana (PE) – que ficará pronta no fim do ano – ainda não tem data confirmada. Mas deve ser em 2016.

Fruto de cooperação entre a Chrysler e a Fiat, nova proprietária do grupo norte-americano do qual a Jeep faz parte, o modelo usará plataforma do monovolume 500L.

O exemplar que está em testes tem carroceria quadradona, com entre-eixos curto. Se for o mesmo do carro familiar da Fiat, terá 2,61 metros, equivalente ao de um sedã médio como o Toyota Corolla.

Haverá também um irmão da Fiat, que tem sido chamado nos bastidores de 500X, para o pequeno modelo da Jeep. No entanto, não é certo que seja o utilitário que a montadora italiana planeja produzir também na fábrica de Goiana. (AE)