Destaque »

Uniaraxá inicia ação de assistência aos estudantes de EAD da região

23 de maio de 2019 – 18:53 |

O Centro Universitário do Planalto de Araxá (UNIARAXÁ) iniciou ação de assistência aos estudantes de Ensino a Distância (EAD) na região. Com visitas semanais a todas as cidades, uma Equipe da Instituição recebe e instrui …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Educação

CURSO DE PEDAGOGIA DO UNIARAXÁ RESGATA CULTURA AFRO-BRASILEIRA

Formandas do Curso de Pedagogia do Uniaraxá desenvolveram um projeto de “Resgate da Africanidade Brasileira”, ao longo do primeiro semestre de 2013, sob a coordenação da Professora Maria Celeste de Moura Andrade, e, cuja monitoria foi da aluna Thaís Pedrosa Ferreira.

A turma desenvolveu ampla diversidade de conhecimentos multidisciplinares sobre o mundo africano e suas interfaces com o Brasil, habilitando-se, assim, a subsidiar o ensino da História e da Cultura Afro-Brasileira e Africana nas escolas, como propõe a Lei n. 10.639/2003, que estabelece a obrigatoriedade do ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana na Educação Básica.

As alunas analisaram a necessidade de se privilegiarem as classes de Educação Infantil, com os valores civilizatórios afro-brasileiros e aprofundar essa temática por todo o Ensino Básico. Nesse sentido, fizeram muitas leituras, trabalhando profundamente a história, a arte e a literatura afro-brasileira, a fim de que se capacitassem mais sobre um tema tão atraente e instigante. Houve a participação de convidados, os quais abrilhantaram as discussões, inúmeros filmes assistidos e comentados, diversas oficinas literárias e artísticas.

Os debates giraram em torno de temas como: “Racismo, Preconceito e Desigualdade”; “Organização Educacional nas Comunidades Remanescentes de Quilombos”; “Religiões e Identidades em Processo”; “Afroetnomatemática”; “Autoestima da criança afrodescendente”; “A reserva de cotas na universidade”.

Como resultado do projeto, foi realizada uma exposição de trabalhos, no dia 21 de junho, com a presença de muitos alunos, professores e funcionários do UNIARAXÁ, além das crianças da Escola de Aplicação Lélia Guimarães (atendidas pelas alunas Dora Lúcia dos Reis e Patrícia Tatiane de Oliveira) e diversos segmentos da sociedade araxaense.