Destaque »

Malvinas e Villa Nova saem na frente na semifinal do Amador

19 de novembro de 2019 – 11:34 |

Começaram no último domingo, dia 17 de novembro de 2019,  no estádio Fausto Alvim, as semifinais do Campeonato Amador de Araxá, versão 2019, promovido pela Liga Araxaense de Desportos. Na primeira partida da manhã …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home » Cultura

Araxá no topo da cultura

Cidade vem recebendo muitos eventos importantes apoiados pelo Ministério da Cultura (Lei Rouanet) do governo federal.

Em 2012, a cidade de Araxá recebeu muitos eventos importantes apoiados pelo Ministério da Cultura (Minc) – Lei de Incentivo a Cultura (Lei Rouanet) do governo federal. Esta lei destina a incentivar a produção artística no Brasil, e por meio dela, pessoas físicas ou jurídicas podem dar recursos financeiros para a implementação de projetos culturais aprovados pelo Ministério da Cultura.

Segundo o site do Minc, www.cultura.gov.br, a Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM) é a empresa de Araxá que mais captou recursos, configurando em 10° lugar em investimentos via Lei Rouanet até este mês.

Dados do Minc mostram que a CBMM apoiou a realização dos seguintes eventos: Festival Beleza Sustentável, Festival Dançaraxá, Vidança, 22° Encontro Sesi de Artes Cênicas, 2° Triciclo Espetáculos, Dia das Mães da Acia, Festival de Artes Cênicas Infanto-juvenil de Araxá, Semana Santa Araxá 2012 [Encenação de Cristo], Programação Cultural do V Festival Internacional de Cultura e Gastronomia, 1° Araxá Cine Festival, Circuito Cultural Vivace e Espaço Cultural Souza Lima, Expansão Battuxá 1ª ação Vizinhança, programação aberta do IV Congresso Federaminas e Fest Natal Araxá, fora eventos que ocorreram em outros municípios mineiros. A lista completa com os valores de cada evento apoiado pode ser consultada no www.cultura.gov.br acessando o link Acompanhamento de Projetos.

Sônia Passos, gestora da S&S Projetos, empresa especializada em elaboração e gestão de projetos sociais, culturais e esportivos e pós-graduada em marketing pela Università di Comunicazione – Milano/Itália, foi uma das araxaenses que elaborou, ao longo de 2012, iniciativas aprovadas pela Lei Rouanet e apresentou de que maneira um projeto é feito para envio ao Ministério da Cultura.

“Qualquer pessoa que seja física ou jurídica, desde que ela esteja com sua documentação fiscal em dia e que tenha o currículo à altura do que se propõe a fazer, tem condições de lançar o projeto no Ministério da Cultura. Existe toda uma legislação por trás desses mecanismos. Tem um sistema chamado ‘Salic Web’ [no www.cultura.gov.br] onde nós entramos, cadastramos a nossa proposta e mandamos para o Ministério da Cultura”, disse a gestora de projetos.

“Dizem que é fácil fazer o lançamento do projeto no Ministério da Cultura, mas o difícil é se o currículo atende as normativas e também se a pessoa física ou jurídica tem capacidade técnica para gerenciar. Existe um formulário on-line onde são cadastrados nossos dados e tem todas as etapas que vão desde os objetivos até o detalhe da proposta como um todo”, explicou Sônia.

Segundo ela, quem elabora não é responsável pela captação de recursos. “Eu elaboro projetos, envio ao Minc, faço o acompanhamento tanto do assessoramento da parte legal do projeto, quanto da gestão. O meu trabalho vai até aí, já que a captação fica por conta do cliente”.

O ano cultural termina em Araxá com o 4° FestNatal Araxá, que recebeu captação de recursos da Lei de Incentivo à Cultura e também da Lei Estadual de Incentivo à Cultura do governo. Para a gestora de projetos, Araxá é uma cidade que pode ser beneficiada com essa lei por sua vocação turística e cultural. “O município tem perfeitas condições de estar pleiteando verba que acredito será muito bom. Se hoje por meio do Ministério da Cultura tivemos essa abertura, imagino com a Lei Estadual de Incentivo à Cultura, que, na realidade, já existe, penso que será beneficiado. A gente tem que levar a cultura a todos”, encerrou.